Camilla Kimball: Testemunha do Batismo

Em recente publicação oficial, A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias traz o relato histórico em que uma mulher foi testemunha de um batismo. A política atual da Igreja não permite que mulheres sirvam de testemunhas em tais situações, exigindo a presença de dois homens, que possuam o ofício de sacerdote (16 anos) para cima, a fim de atestar a exatidão do ritual.

O casal Spencer e Camilla Kimball, circa 1960.

O casal Spencer e Camilla Kimball, circa 1960.

Continuar lendo

Brasil na História Diária da Igreja: 6 de Outubro de 1853

WilliamFCarterEnquanto Addison Pratt foi o primeiro missionário mórmon para chegar em território em que se fala português (em 1843), outros missionários passaram perto, viajando no Atlântico, perto da costa do Brasil. Estes faziam parte de uma onda missionária durante os 1850s que visava pregar o evangelho através do mundo inteiro. O hemisfério sul se incluía nessa onda, com missionários mórmons viajando para Taiti (Addison Pratt, 1843), Chile (Parley P. Pratt, 1851), Austrália (John Murdock, 1851), África do Sul (Jesse Haven, 1853), Nova Zelandia (Augustus Farnham, 1854), Tailândia (Elam Luddington, 1854), e a Índia (Joseph Richards, 1851).

Com certeza vários destes missionários passaram o Brasil por perto. E é até possível que seus navios pararam num porto brasileiro durante suas viagens. Até agora não tenho certeza se tivessem parados no Brasil, mas a História Diária da Igreja menciona que um missionário mórmon passou por perto, William Furlsbury Carter. Ele mencionou o Brasil em seu diário de viagem:

Continuar lendo