Manuscritos do Mar Morto: Elo Precioso ao Passado da Bíblia

O Museu da Bíblia em Washington, D.C., removeu de suas exposições cinco pergaminhos do Mar Morto, depois que testes confirmaram que esses fragmentos não eram de pergaminhos bíblicos antigos, mas falsificações.

Pergaminho 4Q58 4QIsaiahd | Imagem: Shai Halevi, deadseascrolls.org

Ao longo da última década, a família Green, proprietária da cadeia de suprimentos Hobby Lobby, pagou milhões de dólares por fragmentos dos Manuscritos do Mar Morto para serem as joias da coroa na exposição do Museu mostrando a história e herança da Bíblia. Continuar lendo

Professor da BYU Criticado por Livro Sobre Mulheres

lost+teachingsO Professor da BYU Alonzo L. Gaskill está sendo severamente criticado por seus pares acadêmicos, por acadêmicos Mórmons e pelo público Mórmon leigo, por grosseira incompetência intelectual.

Em seu livro recém-publicado ‘O Ensinamentos Perdidos de Jesus Sobre o Papel Sagrado da Mulher’, o professor de História da Igreja e Doutrina se propõe a estabelecer uma reconstrução acadêmica dos ensinamentos de Jesus de Nazaré sobre o papel apropriado de mulheres na sociedade Cristã. Uma das fontes principais, na qual Gaskill ancora seu livro  e seus argumentos nos manuscritos de Pali, que descrevem a vida e os ensinamentos de Jesus durante Sua adolescência no sub-continente Indiano, e descobertos num monastério Indiano no final do século XIX pelo jornalista e explorador russo Nicholas Notovich. Compilados e traduzidos para Francês (e, rapidamente, para vários outros idiomas) por Notovich nos anos 1890 sob o título ‘A Vida Desconhecida de Jesus’. O grande problema, contudo, é que o livro não só foi demonstrado por acadêmicos como um falsificação clara, como o próprio Notovich confessou o embuste.

Mas este nem é o maior problema do livro do historiador da BYU. Continuar lendo