Igreja publica fotos da pedra de vidente de Joseph Smith

A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias divulgou hoje pela primeira vez fotos da pedra de vidente que acredita ter sido utilizada por Joseph Smith.

seer-stone-joseph-smith-ensign-liahona-october-2015_1512979_inl

Pedra de vidente que a Igreja acredita ter pertencido a Joseph Smith e ilustra o artigo da revista Ensign. (Imagem: Welden C. Andersen e Richard E. Turley Jr.)

As fotos foram mostradas no anúncio de lançamento do próximo volume do Projeto Joseph Smith Papers, intitulado Revelações e Traduções, Volume 3: o Manuscrito do Tipógrafo do Livro de Mórmon (em tradução livre). O volume traz fotos da pedra oval de cor marrom que teria sido utilizada na tradução do Livro de Mórmon, bem como de uma bolsa de couro utilizada para guardá-la, feita provavelmente por sua esposa Emma Smith. Continuar lendo

Uma Posteridade Branca e Deleitosa: Origens do Casamento Plural

William W. Phelps

William W. Phelps

A crença na origem israelita dos povos ameríndios e a prática do casamento plural são certamente duas características marcantes da experiência mórmon. Embora nenhuma das duas tenha uma origem exclusivamente mórmon, Joseph Smith deu a elas aplicações e sentidos únicos. Poucos entre nós estão familiarizados, no entanto, com a conexão histórica entre as duas doutrinas; tampouco a influência do Livro de Mórmon na instituição do casamento plural parece ter sido avaliada com a devida consideração.

A primeira revelação conhecida a aludir à prática da poligamia (ainda que sem mencioná-la explicitamente) ordenava que um grupo de missionários da jovem Igreja de Cristo buscasse esposas indígenas para que sua descendência pudesse retornar a um estado de pureza e retidão, conforme profetizado no Livro de Mórmon. O casamento divinamente ordenado entre mórmons e índios seria o meio de tornar isso realidade. Continuar lendo

Revelação inédita de 1831


"Mulher Sioux", de Howard Terpning

Trecho da revelação dada por intermédio de Joseph Smith, no Condado de Jackson, Missouri, em 17 de julho de 1831, conforme o relato de William W. Phelps.

Em verdade, em verdade, diz o Senhor, vosso Redentor, o próprio Jesus Cristo, a luz e a vida do mundo que não podeis discernir com vossos olhos naturais, o desígnio e propósito de teu Senhor e teu Deus em trazê-los ao ermo, para uma prova de vossa fé – e para serdes testemunhas especiais para prestar testemunho desta terra, sobre a qual a Sião de Deus deverá ser construída nos últimos dias, quando for redimida. Continuar lendo

O livro mais subestimado

John HajicekConhecemos a famosa equação que nos diz haver uma relação perfeita entre a origem histórica do Livro de Mórmon, o chamado de Joseph Smith como profeta e a Igreja sud como a única igreja que possui autoridade divina. Como não-membro, isso me foi ensinado nas palestras missionárias, e como missionário, também reproduzi isso a outras pessoas. Hoje percebo, no entanto, que pode haver um efeito nocivo, colateral, nessa equação. Continuar lendo