Atravessar a Distância

Nesta semana seguida à Conferência Geral, publicaremos artigos explorando alguns seletos discursos proferidos no fim de semana que passou. Em consideração hoje, o discurso do Apóstolo Dale G. Renlund.

∼¤∼

Fiquei impressionado na sessão da Conferência na manhã do Sábado pela citação oferecida pelo Élder Renlund: “Quanto maior a distância entre o doador e o beneficiário, mais o beneficiário desenvolve um senso de direito”. O que me causou pausa, uma vez que concordo com a declaração, é uma simples questão: O que vamos fazer sobre essa distância?

Esta parece ser uma questão crucial. O Élder Renlund salienta que esta é a razão pela qual o sistema de bem-estar da Igreja é projetado para que aqueles em necessidade procurem ajuda da família em primeiro lugar, e depois de seus líderes locais – i.e., de sua ala ou ramo. Mas não me parece que isso resolva o suficiente a distância entre doadores e beneficiários; eu vejo uma enorme distância dentro das alas e ramos, e às vezes até mesmo dentro das famílias. Demasiadas vezes doadores e beneficiários simplesmente têm pontos de vista e até culturas completamente diferentes. Continuar lendo

CEO da Igreja Mórmon: Pobres Não São Espirituais

Keith Brigham McMullin atualmente serve como o CEO da Deseret Management Corporation, o braço com fins lucrativos d’A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, desde abril de 2012 quando foi desobrigado do cargo de Conselheiro no Bispado Presidente, onde servia desde 1995.

Keith Brigham McMullin

O Bispo McMullin disse em entrevista que a Igreja ensina que pessoas pobres não são capazes de espiritualidade plena. [Link atualizado para o artigo e para o arquivo]

Continuar lendo

Evangelho Ostentação Mórmon?

Existe um termo popular entre evangélicos nos EUA, e mais recentemente no Brasil, que descreve uma valorização religiosa da afluência financeira: Evangelho Ostentação. Um pastor evangélico explica que essa visão “tem como tema central a exibição de riquezas e poder aquisitivo.” Mórmons abraçam esse tipo de comportamento? Continuar lendo

Romper os grilhões

Muitos mórmons iniciaram neste sábado um jejum, preparando-se para o domingo de jejum e testemunho. O jejum  apresenta um elo entre o físico e o espiritual, não só por ser uma prática que envolve os dois aspectos da vida do indivíduo mas também porque o faz pensar no bem-estar físico e espiritual de outros. Aliás, especialmente o físico de outros. Aqui nos relembramos dos conselhos no livro de Isaías:

“Por que temos jejuado e tu não o vês? Temos mortificado as nossas almas e tu não tomas conhecimento disso?” A razão está em que, no dia mesmo do vosso jejum, correis atrás dos vossos negócios e explorais os vossos trabalhadores; Continuar lendo

O leite derramado

Conto de Sueli Patelli

Dona Maria labutava o dia inteiro com os afazeres domésticos e cuidava de dois filhos pequenos, um de três e outro de dois anos, mas sua barriga já dava sinal de outro bebê a caminho.

Antes do sol raiar, seu marido, João, já estava na estação de trem a caminho do trabalho. Viajava duas horas no trem lotado, depois uma hora de ônibus até chegar à lojinha de aparelhos eletrônicos usados de que era sócio. Ao findar o dia era a mesma coisa, uma hora de ônibus, duas horas de trem. Chegava em casa depois das nove horas da noite, Continuar lendo