Neal Maxwell: Déjà Vu e Pré-Existência

O Apóstolo Neal Maxwell, em discurso durante a Conferência Geral semi-anual de 1985, explicou como a doutrina da pré-existência explica a sensação comum de déjà vu.

Déjà Vu, expressão francesa que significa “eu já vi”, é um fenômeno neurológico que leva o indivíduo a experimentar a sensação, às vezes forte, de já haver vivenciado no passado um evento ou experiência sendo vivenciada naquele exato momento do presente.

Para o Apóstolo Maxwell, déjà vu é um reflexo de nossa pré-existência, uma olhadela curta e rápida através do véu do esquecimento:

“O Élder Orson Hyde conclamou, ‘Nós esquecemos! … Mas o nosso esquecimento não pode alterar os fatos.’ (Journal of Discourses, 7:315) Contudo, em certas ocasiões, há pressentimentos. O Presidente Joseph F. Smith observou como ‘frequentemente nós pegamos um lampejo de memórias despertas da alma imortal, que ilumina todo o nosso ser como que com a glória do nosso lar de outrora’. (Gospel Doctrine, 5a ed., Salt Lake City: Deseret Book, 1939, p. 14.)

Podem haver súbitos surtos de déjà vu. Um lampejo do espelho da memória que nos impulsiona adiante até aquele pavilhão distante, pleno de ‘esplendores eternos’ e seres ressurretos.”


Leia mais citações de Profetas e Apóstolos aqui.

17 comentários sobre “Neal Maxwell: Déjà Vu e Pré-Existência

Deixe um comentário abaixo:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.