Brigham Young: Sinais e Símbolos da Investidura

O Presidente Brigham Young fez os seguintes comentários sobre a importância dos sinais e símbolos ensinados durante a ordenança da investidura realizada apenas nos templos sagrados, durante a cerimônia da pedra fundamental do Templo de Lago Salgado em 6 de abril de 1853.

Brigham Young

Young explica como a importância principal da ordenança da investidura, como revelada ao Profeta Joseph Smith, é ensinar aos membros da Igreja os códigos secretos sem os quais não se pode entrar na presença de Deus (ênfases nossas):
Continuar lendo

Joseph Smith: Ordenanças do Templo Não Devem Ser Alteradas

O Profeta Joseph Smith explicou como as ordenanças do templo que ele havia instituído em 1842 não deveriam ser alteradas jamais, em discurso proferido no dia  11 de junho de 1843.

A reunião dominical, onde Smith alertou sobre a natureza eterna das ordenanças do templo, foi realizada em um palanque improvisado justamente ao lado do Templo de Nauvoo ainda em construção. Smith explicou que o maior propósito dos Santos dos Últimos Dias é construir um templo onde poderiam receber as ordenanças que Deus teria estabelecido antes da criação da Terra e que Smith teria recebido, e passado adiante, inalterado. Mórmons estariam sendo coligados em Nauvoo, afirmava-lhes Smith, justamente para receberem essas cerimônias do templo.

Desde esse pronunciamento claro de Smith em 1843, até a semana passada em 2019, a liderança d’A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias instituiu dezenas de mudanças, oras superficiais, oras profundas, em todos os aspectos das ordenanças que Smith havia declarado como inalteráveis. Mudaram o modelo das roupas íntimas, que Smith afirmara ser baseado nos modelos que Deus entregara a Adão e Eva, diversas vezes. Mudaram os juramentos sagrados, mais recentemente na semana passada. Mudaram os sinais sagrados do Sacerdócio, assim como o nome de um deles. Eliminaram um sinal sagrado e eterno que Smith afirmara ser necessário para entrar na presença de Deus no Reino Celestial. E assim por diante.

O que teria dito Smith dessas mudanças?

Eis, portanto, o ponto central do discurso do Profeta Joseph Smith sobre as ordenanças do templo (ênfases nossas), em junho de 1843:

Continuar lendo

Mudanças no Papel das Mulheres Mórmons Discutidas

Artigo originalmente publicado aqui, e reproduzido com permissão da Religion Dispatches. Assine ao seu boletim de notícias gratuito, ou siga o RD no Facebook ou no Twitter para atualizações diárias.

Mudanças no papel das mulheres mórmons não podem ser discutidas – mas vamos discuti-las mesmo assim.

É uma covardia moral, e gaslighting [violência emocional por meio de manipulação psicológica, vulgo “omipulação”], e ainda outra traição negar a raiva e a dor das mulheres, dizer-lhes que não têm o direito de pedir à igreja que seja menos misógina porque a igreja não pode ser misógina – apenas para fazer algumas das mudanças que as mulheres têm pedido enquanto negam explicitamente que as mulheres já tiveram algum tipo de queixa legítima.

Continuar lendo

Igreja Mórmon Cede, Muda Investidura

A Igreja SUD confirma, com relutância, rumores de mudanças a seus rituais templários mais sagrados de modo a torná-los menos machistas.

tempo rio de janeiro sud mórmon

Representação do futuro Templo do Rio de Janeiro © Intellectual Reserve, Inc. 2017

A mais importante ordenança religiosa no mormonismo, o ritual da investidura foi estabelecido pelo Profeta Joseph Smith em maio de 1842, aproveitando sinais, símbolos, expressões, palavras, juramentos, e temas dos rituais maçônicos aos quais fora iniciado 2 meses antes. Desde então, a ordenança recebeu algumas alterações pontuais para se acomodar melhor aos seus contextos sociais contemporâneos. As mudanças apresentadas estas semanas podem ser as mais profundas e impactantes dos últimos 177 anos.

Continuar lendo

Ser Pai Mudou o Modo Como Leio Antigas Estórias da Relação de José e Maria com Jesus

Com o Natal se aproximando, muitos cristãos refletirão acerca da natividade ou nascimento de Jesus. A Bíblia cristã inclui duas estórias diferentes do nascimento de Jesus, encontradas no Evangelho de Mateus e no Evangelho de Lucas. No entanto, há apenas uns poucos detalhes preciosos sobre o restante de sua infância no Novo Testamento.

Infância Jesus evangelho

O Encontro do Salvador no Templo, pintura de William Holman Hunt.

Alguns cristãos hoje podem se perguntar o que ocorreu depois. Continuar lendo

‘Assim diz o Senhor’ sobre James Strang

Duas revelações recebidas pelos Apóstolos Brigham Young e Orson Hyde em 1846 nos mostram como James Strang e sua igreja foram percebidas pelos Doze em Nauvoo¹.

James Jesse Strang

James Jesse Strang | Foto por J. Atkyn, 1856, cortesia da Church History Library, Salt Lake City.

O movimento strangita foi capaz de atrair personagens importantes da história mórmon, de John C. Bennet a William Smith, mesmo que a liderança reivindicada por James Strang não remetesse a nenhum dos prováveis princípios pelos quais a sucessão do profeta Joseph Smith poderia ser imaginada: converso recente ao mormonismo, ele não era um Smith, não havia feito parte do Conselho dos Cinquenta, do Quórum dos Doze ou do Quórum dos Ungidos. Continuar lendo

Joseph Smith: Significado da Palavra Mórmon

O Profeta Joseph Smith explicou como ele, pessoalmente, define o termo “Mórmon” em uma carta aberta para o jornal oficial da Igreja Times and Seasons e seu diário oficial History of the Church.

Enquanto o atual Profeta Russell Nelson afirma que o uso do termo “mórmon” é ofensivo para Deus e uma “vitória para Satanás”, o Profeta Joseph Smith o definia assim¹:

Continuar lendo

Manuscritos do Mar Morto: Elo Precioso ao Passado da Bíblia

O Museu da Bíblia em Washington, D.C., removeu de suas exposições cinco pergaminhos do Mar Morto, depois que testes confirmaram que esses fragmentos não eram de pergaminhos bíblicos antigos, mas falsificações.

Pergaminho 4Q58 4QIsaiahd | Imagem: Shai Halevi, deadseascrolls.org

Ao longo da última década, a família Green, proprietária da cadeia de suprimentos Hobby Lobby, pagou milhões de dólares por fragmentos dos Manuscritos do Mar Morto para serem as joias da coroa na exposição do Museu mostrando a história e herança da Bíblia. Continuar lendo

Joseph Smith: O que é Mormonismo?

O Profeta Joseph Smith explicou como ele, pessoalmente, define o termo “Mormonismo” em uma carta para James Arlington Bennet em 8 de setembro de 1842.

Enquanto o atual Profeta Russell Nelson afirma que o uso do termo “mórmon” é ofensivo para Deus e uma “vitória para Satanás”, o Profeta Joseph Smith o definia assim¹:
Continuar lendo

Anjo Néfi ou Anjo Morôni?

Quando Joseph Smith ditou a sua história oficial para ser publicada para a Igreja SUD e o mundo, que eventualmente seria incluída no volume canonizado de escrituras conhecido como a Pérola de Grande Valor, ele recontou como o anjo Néfi – e não o anjo Morôni, como se narra hoje em dia – lhe visitara em seu quarto enquanto jovem para lhe explicar sobre as placas de ouro que continham o que viria a ser chamado de Livro de Mórmon.

"Morôni Aparece a Joseph em Seu Quarto" ou "O Anjo Morôni Aparece a Joseph Smith", por Tom Lovell sob encomenda para, e publicado pela, A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. Reproduzido sob permissão

Néfi aparece a Joseph Smith? “Morôni Aparece a Joseph em Seu Quarto” ou “O Anjo Morôni Aparece a Joseph Smith”, por Tom Lovell sob encomenda para, e publicado pela, A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. Reproduzido sob permissão

Publicações, textos, arte, gravuras, estátuas, adornos de templos, e até mesmo as escrituras mórmons de hoje o denominam como “Anjo Morôni”. Templos mórmons mundo afora são adornados com uma estátuta do “Anjo Morôni” inaugurando a “nova dispensação” através do anúncio da descoberta e tradução do Livro de Mórmon. Não obstante, quando Joseph Smith ditou uma narrativa da sua história pessoal que recontasse essa visitação pela primeira vez, ele o chamou de Néfi, e não Morôni.

No manuscrito original da história de Joseph Smith, ditada pessoalmente por ele e transcrita pelo Setenta e escrivão James Mulholland, encontramos o seguinte relato¹:  Continuar lendo

Primeira Presidência: Mórmons Não Podem Ser Comunistas

A Primeira Presidência d’A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias publicou um editorial proibindo membros da Igreja de serem comunistas sob o título “Advertência aos Membros da Igreja” no seu jornal Deseret News em julho de 1936, e novamente no seu periódico The Improvement Era em agosto de 1936.

A Primeira Presidência da Igreja SUD (Out 1934 – Mai 1945): 1o Conselheiro Reuben Clark, Presidente Heber Grant, 2o Conselheiro David McKay

Continuar lendo

Igreja Retoma Luta Contra “Mórmon”

“Mórmon”, ‘Mormonismo” e “SUD” são termos a serem evitados, de acordo com o presidente e profeta d’A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. Em anúncio feito em 16 de julho, pela Sala de Imprensa Mórmon, Russell M. Nelson retoma inesperadamente uma tendência compartilhada por algumas Autoridades Gerais na Igreja SUD e exposta pelo próprio Nelson na década de 1990.

first-presidency-2018-cropped

Russell M. Nelson (centro) e seus dois conselheiros na Primeira Presidência, Dallin H. Oaks (esquerda) e Henry B. Eyring (à direita), em janeiro de 2018. | Imagem: Cortesia de Intellectual Reserve.

A nova diretriz de Nelson soa gratuita e contrasta com o uso publicitário da palavra “mórmon” durante a administração de seu antecessor, Thomas S. Monson. A Igreja fez marketing do termo com a campanha multi-milionária “Eu Sou Mórmon” entre 2011 e 2014, e o documentário “Meet the Mormons” de 2014. Em anos recentes, a Igreja SUD processou legalmente empresasorganizações pelo uso do termo “mórmon” por suposta violação de direitos de propriedade intelectual. Continuar lendo

Por Que o Rótulo “Seita” Atrapalha o Entendimento de Novas Religiões

“Seitas” estão de volta ao noticiário.

O documentário “Wild Wild Country” da Netflix ressuscitou o interesse pela seita do amor livre” fundada pelo guru indiano Rajneesh, ou Osho, e que em 1984 lançou um “ataque bioterrorista“, espalhando salmonella em restaurantes perto da sede do grupo no Oregon.

Reverendo Moon Seita Casamento

Cerimônia coletiva de casamento ou “rededicação” para mais de 3800 casais na sede da Igreja da Unificação em Gapyeoung, Coreia do Sul, em 2015. Imagem: Chung Sung-Jung | Cosmopolitan.

Depois, há o NXIVM, uma “seita sexual” sediada em Albany, Nova York. Reportagens na mídia afirmam que as integrantes do NXIVM recrutavam “escravas”, que eram marcadas com as iniciais do líder do grupo, Keith Raniere. Raniere, também chamado de “Vanguarda”, foi preso por tráfico humano. 

Acadêmicos às vezes usam o termo “seita” [ou, em inglês, cult, “culto” ] para descrever grupos que possuem crenças distintas e fortes níveis de comprometimento. O problema vem com o uso popular da palavra, frequentemente usada para descrever grupos autoritários que induzem crenças ou ações através de “controle da mente” ou “lavagem cerebral”.

Como acadêmico que ensina e escreve sobre religião, acredito que o rótulo “seita” atrapalha a compreensão de religiões novas ou alternativas.

Eis o porquê Continuar lendo

40 Anos do Fim da Segregação Racial Mórmon

Celebramos hoje 40 anos desde o fim oficial do racismo institucional n’A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias.

Spencer Woolley Kimball, 12o Presidente d’A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias (30 Dezembro 1973 – 5 Novembro 1985), Presidente do Quórum dos Doze Apóstolos (1972-1973), Apóstolo (1943-1973)

Nessa data, há 40 anos, o Profeta Presidente da Igreja SUD Spencer Woolley Kimball anunciou publicamente que a Igreja não mais discriminaria contra negros e encerraria a política de proibir a ordenação de homens afrodescendentes ao sacerdócio, a sua inclusão em cargos de liderança, e a inclusão de homens, mulheres, e crianças negras nos cultos em seus templos sagrados.

Capa do jornal universitário The Universe da Universidade de Brigham Young (Provo, Utah) em edição extra no dia 9 de junho de 1978 anuncia acima de uma foto do Profeta-Presidente Spencer W Kimball: PRETOS RECEBEM SACERDÓCIO – Deus revela nova política a Profeta SUD

Introduzindo Segregação Racial (1852)

Se a data do fim oficial da segregação racial SUD, popularmente conhecida como “proibição ao sacerdócio”, está claramente marcada nos anais da história como 9 de junho de 1978, o seu início é um pouco mais convoluto. A data mais aceita entre historiadores é 23 de janeiro de 1852, quando Brigham Young anunciou à Continuar lendo