Dr. Rey faz campanha em capelas

Dr. Rey é mórmon – devo essa descoberta à sua candidatura eleitoral – e quer o voto dos mórmons. Ele não apenas tem enfatizado sua identidade como mórmon na mídia (como na recente entrevista à Folha de São Paulo), como tem tirado proveito de seu novo status entre os sud brasileiros. Em uma foto publicado em seu perfil no Facebook, Rey aparece no interior de uma capela, ao lado de uma vereadora e um candidato a deputado estadual. “Hoje na Igreja com Candidato a Deputado Estadual Dr Daniel e’ Vereadora Rachel Carvajal. BRASIL NÃO TEM VERGONHA DE DEUS E DEUS NÃO TERA VERGONHA DO BRASIL!! Campaigning full blast!! (Candidato para Deputado Federal #2014 ) Obrigado!!”, escreveu o médico. Em tradução livre, “campaigning full blast” é “fazendo campanha a todo vapor”.

dr rey

18 comentários sobre “Dr. Rey faz campanha em capelas

    • Campanha dentro da capela é o erro! Mas mórmon ele diz que é há anos quando apareceu na TV e anunciou ser brasileiro… E que missionários mórmons haviam levado ele qdo criança para Utah. Dr. Rey é formado em cirurgia plástica e em ciências públicas pela Haward… Não tenho certeza se a faculdade de cirugia plástica foi feita em Haward tbm. Dr. Rey há anos tem falado suas origens e falado sobre mormonismo… E apenas este ano está se elegendo como deputado. Não concordo com campanha dentro de capelas. Agora ele vai tirar proveito do que ?! Dos mórmons?! Mórmons votam em quem quiserem.

      • Claro que Mórmons votam em quem quiserem. Óbvio. Tirar proveito de uma “boa imagem” como SUD ou Mórmon, tirar proveito através de toda uma questão espiritual e religiosa para a própria promoção. Fazer uso da religiosidade dele para talvez melhorar sua imagem para Mórmons e também não Mórmons. A mim ele não passa credibilidade com essa atitude.

  1. Muito admira comentários em um site crítico como “vozes mórmon ” opiniões tão igualitárias as ideias e pensamentos do próprio texto principal. Mesmo em casos de opiniões tão contrárias eu acredito em um senso crítico individual de cada pessoa sem copiar os mesmos conceitos.
    Religião e Politica não se misturam ?
    Pensando amplamente segundo o filósofo Michael Foucault, “O poder está em todo lugar ” e a relação entre poder e conhecimentos são usados como uma forma de controle social por meio de instituições sociais, politicas ou religiosas.Que Influenciam não apenas um individuo para individuo mas uma comunidade geral de diversas formas. Quanto o Dr. Ray , fato de ele ser mórmon não é algo que o tornou famoso primeiramente. Se não ele seria apenas um membro no meio de milhares espalhados pelo mundo que ninguém conhece. Que vai a capela todos os domingos ou aparece nas atividades da Igreja. Sua fama é por ser mórmon ? Lembrando que ele é também uma pessoa pública e conhecida academicamente no campo da medicina que o transforma em assunto discutido nas mídias. Tanto que agora virou artigo em site mórmon por estar relacionado a religião que ele pertence desde de criança. Vamos ser cristãos firmes em pensamentos e seguir conselhos de Jesus “quem não tiver pecado, atire a primeira pedra!! ”
    […] Sendo coerente por si só utilizando desse sistema estruturalista já não estaríamos criando um sistema politico muito bem organizado ? Porque não se compreende politica apenas como sistema administrativo que envolve a administração de um Estado, mas compreende se também como “ a arte de guiar ou influenciar de modo organizado para a realização de um ideal concreto através da influência e manifestação da opinião pública e participação coletiva da população. No caso aqui… “a população Mórmon”.
    Nada muito diferente da politica que procura falhas nos discursos alheios através da analise discurso para reformular novos conceitos dinâmicos para convencer uma parte ou grupo de pessoas a uma nova ideia. Não vamos apenas ser hipócritas e subjugar tudo isso como ridículo. Há muito mais coisas importantes a serem analisadas em relação a nossas condutas como cristãos. VOTA NELE QUEM QUISER! ELE SE TORNOU FAMOSO NÃO FOI POR SER MORMÓN.

    [Editado de acordo com a Política de Comentários]

  2. Não concordo com isso. A Igreja não devia permitir isso! Eu já sei que ele é membro da Igreja desde a primeira vez que ele apareceu pela mídia brasileira, sempre achei um exibido, ele estava inativo na Igreja por muito tempo e agora que é candidato, faz campanha nas capelas?! Não devia misturar religião com política. Está se aproveitando da situação.

  3. Ele sempre afirmou ser Mormon em todas as entrevistas, agora fazer campanha politica dentro da Igreja nao e correto seja la quem for. Nao aprovo usar a Igreja de Cristo como palanque de campanha eleitoral.

  4. Infelizmente a história mostra que politica e religião sempre estiveram muito ligadas de fato geralmente religião vira política! . No caso do Dr. Ray não ouvi falar de nenhum líder apoiando formalmente, ele também não possui nenhum chamado de liderança no Brasil, não ouvi falar que ele tenha sido convidado para fazer nenhum comício disfarçado de “SERÃO” nas estacas de São Paulo . Querer se identificar com a cultura religiosa da qual ele faz parte, por meio de fotos em redes sociais mesmo que no fundo isto tenha certo teor tendencioso, para mim não pode ser considerado campanha politica na capela.

  5. Política eleitoral é terreno fértil para narcisistas como o Dr. Rey. Não há nenhuma novidade nisso. E não considero que ele seja menos mórmon do que o mais ativo membro. A questão que mais me deixa curioso aqui – e que que só futuramente vamos ver com clareza – é se os sud brasileiros se sentirão representados por ele, dado seu comportamento que foge aos estereótipos mais comuns na igreja sud. Haverá uma identificação? Haverá um respaldo oficioso de líderes locais a ele? Lembremos que muitos mórmons brasileiros se sentiram entusiasmados com a candidatura presidencial de Mitt Romney e o viram como um presentante da igreja. Recentemente também houve o episódio em que um presidente de estaca havia declarado o apoio da sua estaca à candidatura de Moroni Torgan.

    • Agora usando um pouco de ironia Antonio, Entre Mitt Romney e Dr. Rey sou mais o Dr. Rey. Pois apesar de seu exibicionismo ele me parece nao ter hipocrisia, muito contrario do Romney que varias vezes foi pego falando mentiras, pregando uma coisa e fazendo outra as escondidas.

  6. As vezes eu não entendo por que tanta bobagem em relação a política ou mesmo pedir votos nas capelas.Se o camarada é membro ele tem que pedir votos aos membros e o local onde se encontram os membros também é nas capelas. Eu vejo os evangélicos pregando política em sermões e com isso a bancada evangélica no congresso nacional só cresce. Agora nós que professamos ser a única Igreja viva sobre a face da terra, não temos nenhum representante no parlamento e é lá no parlamento onde são criadas as leis que nos governam, e mesmo sabendo disso não nos mobilizamos para ter nossos lideres inspirados fazendo parte deste parlamento, ajudando a criar leis mais justas e sejam de fato a vontade do Senhor para o povo brasileiro. Ora, então parem de hipocrisia, muitos mórmons estão trabalhando para candidatos que não são membros e até pedem votos pra ele, agora quanto aos candidatos mórmons, ninguém chega a defende-los.,Que coisa mais chata isso!!!. Temos que ter sim mais candidatos mórmons e eleger o maior número possível para que nosso pais possa ser liderado por homens dignos.

Deixe um comentário abaixo:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s