Blogueiro é excomungado

Alan Rock Waterman, autor do blog Pure Mormonism (Puro Mormonismo, em tradução livre), foi excomungado na última quarta-feira (04/06) por autoridades locais de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. Waterman, que vive no estado americano da Califórnia, costumava escrever sobre o que acreditava serem contradições entre a religião estabelecida por Joseph Smith e as atuais doutrinas e práticas da Igreja SUD.

Sua excomunhão acontece quatro meses depois da excomunhão de John Dehlin e quase um anos depois da excomunhão de Kate Kelly, embora à mesma época Waterman relatasse haver sido ameaçado com um conselho disciplinar caso não parasse de publicar.

Leia também Quem São os Mórmons?

28 comentários sobre “Blogueiro é excomungado

  1. Muito bem!
    Está faltando disciplina na Igreja.
    Quem responde diferente hoje às perguntas feitas pelos missionários na entrevista pré batismo e não se arrepende disso deve sair da Igreja.

    • Fui dar uma relembrada nas perguntas ‘pré-batismo’, Moroni, já que tinha tempo que não as lia, por pensar que alguma coisa tinha mudado. Mas não, estão como estavam há 15 anos atrás. Então não faz muito sentido essa parte do teu comentário, talvez queira explicar melhor essa parte, especialmente aos daqui que não são membros SUD.

      [Página 31 do Pregar Meu Evangelho, não recordo com ficava no antigo e extinto manual missionário antes desse]. Tem na internet em PDF e online para buscar.

      A propósito, batismo não é ‘o banho aquele’; vai alguns quilômetros longe disso, mas pra simplificar a liturgia entre os novos prosélitos é ensinado do modo como conhecemos. Uma pena que alguns, por falta de um estudo mais aprofundado, acreditem que ‘batismo’ seja só esse ritual de passagem (ou ordenança temporal, como desejar).

      Mas eu não sei como estava a vida dele ou dos demais antes disso. Sei que temos todo tipo de gente nas entranhas e bordas da Igreja, inclusive na liderança, cujos motivos de estarem onde estão não assemelham-se muito ao que pregam ou deveriam ser, mas também há milhares de boas pessoas (algumas das melhores) entre nós também.

      Mas tenho uma crença pessoal de que se os próprios membros SUD tivessem mais convicção de sua própria fé, e se a própria liderança local fosse mais esclarecida em doutrina e verdade e espírito, opiniões ou crenças de pessoas como a dele não causariam qualquer ‘problema’ ao ‘rebanho’, muito pelo contrário, e essas excomunhões (que sim, parecem, perseguições a quem pensa diferente), não nos manchariam como intolerantes.

      Ao contrário de alguns (que creio serem maioria esmagadora de ‘ativos’ aos domingos) fico triste com notícias assim.

      • Eis as perguntas:

        1. Você acredita que Deus é nosso Pai Eterno? Acredita que Jesus Cristo é o Filho de Deus, o Salvador e Redentor do mundo?
        2. Você acredita que a Igreja e o evangelho de Jesus Cristo foram restaurados por intermédio do Profeta Joseph Smith? Você acredita que [o presidente atual da Igreja] é um profeta de Deus? O que isso significa para você?
        3. O que significa arrepender-se? Você sente que se arrependeu de suas transgressões passadas?
        4. Você já cometeu algum crime grave? Se já o fez, está atualmente em liberdade condicional ou em suspensão condicional da pena? Você já participou de um aborto induzido? De um relacionamento homossexual?
        5. Foi-lhe ensinado que ser membro de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias implica viver os padrões do evangelho. O que você compreende a respeito dos seguintes padrões? Está disposto a obedecer a eles?
        6. Quando você for batizado, fará um convênio com Deus de que está disposto a tomar sobre si o nome de Cristo e a guardar Seus mandamentos durante toda a vida. Está disposto a fazer esse convênio e a esforçar-se para ser fiel a ele?

        Ele caiu na pergunta 2, mais precisamente na pergunta, “o que isso significa pra você?” Para ele, acima da palavra de um Profeta atual está em primeiro lugar as escrituras sagradas (sendo que ele esquece que os escritos contidos ali são de profetas que tem a mesma autoridade que o profeta atual, mas para ele a palavra escrita do profeta primevo vale mais do que a do Profeta atual)

  2. Quando decidimos não mais frequentar a igj, como foi o meu caso, quando descobri a inconsistência entre o discurso e a prática do mormonismo, somos tratados como “personas non gratas” e foi por isso que quando me decidi sair da religião, e eu estava ativo, tinha chamado e recomendação para o templo, eu decidi pedir a retirada de meu nome dos arquivos da igj, essa foi a única forma que encontrei para não ter o desprazer de ser excomungado, algo que me parece ser mais prático para a igj, do que tentar entender de fato porque pessoas decidem livremente não mais fazer parte do grupo.
    É muito mais cômodo para a instituição extirpar quem pensa diferente do que responder a questões difíceis de sua história e as inconsistencias de suas práticas comparadas aos seus discursos.
    E foi assim que fiz, pois a decisão não é da igj me ter em seus quadros de membro ou não. Temos o direito e a liberdade de fazê-lo sem termos a falsa impressão que nós somos os pecadores e a instituição é perfeita. Me sinto em paz e feliz, e ao contrário do que muitos “rogam”, estou em paz e feliz com meu Deus também.

    • Eu também estou muito feliz em ter saído da igreja. Vivo minha vida plenamente agora, sem culpas por coisas que não deveria sentir. Há felicidade fora do mormonismo!

    • Amado Amigo Estou Pensando nisso tenho 17 anos como você sabe ainda estou na O.R missão ano que vem! Tenho Plena Certeza de que ficarei completamente só Sei que Deus vai está do meu lado nas hora mais difíceis Poderia me dizer algumas palavras de como vai ser a vida daqui pra frente? sei que você é mais velho e pode me dizer algo ok? obrigado!

      • Enquanto o Eugenio não te responde, eu posso dizer algo Vm7:

        Sou missionário que fez dois anos de tempo integral, e já tem um tempo isso… e uma das coisas que percebi é que quase sempre nos tornamos (ou fazemos) naquilo que detestamos ou não gostamos. Porque? Por que somos imaturos o tempo todo. Estive na igreja na mesma faixa etária que vocês está agora. E posso dizer algo que diria a mim mesmo naquela época: “Mantenha os olhos em Deus. Não se cobre tanta perfeição em tudo e nem se julgue menos ou mais do que realmente é”. E como saber as respostas a isso? Simples, ore sobre todas elas! É tão simples que poucos lembram de fazer.

        Resultado pessoal: mudei muita coisa em mim mesmo e minhas ações nos últimos 15 anos desde que retornei. E hoje conheço melhor a doutrina do que antes, e melhor, conheço um Deus de verdade pessoalmente, e falo com ele melhor do que antes. E a parte boa, é que isso não para nunca, vai crescer sempre, MAS só depende de VOCÊ e as escolhas que fizer a cada dia.

        Viva o que Cristo ensinou e evite a ‘cartilha decorada’ da Igreja, que muitas vezes faz você dedicar mais tempo a reuniões e problemas do que visitando pessoas e oferecendo ajuda. Mantenha distância de orgulhosos e presunçosos e fariseus (mesmo os dignos de ‘recomendação’ para o templo), mas não deixes de lado os que realmente podem precisar de um amigo, mesmo quando eles parecem não acreditar mais nas mesmas coisas que você.

        Durante a missão, faça o que Cristo faria. E não espere bondade ou ‘lugar celestial’ lá, porque vais perceber que muitas vezes vais sofrer mais nas mãos de colegas e alguns líderes do que na casa dos ‘pecadores’. Não atente para isso, apenas não faça aos outros o que não gostar que estiverem fazendo com você. Se seguir o Espírito e realmente estiver em uma missão para Cristo (e não para você ou seus caprichos e orgulho), saberá exatamente o que fazer a cada instante, e será um dos muitos pilares que te ajudará no restante de tua vida como cristão.

  3. Vou começar com Mateus 12:25. ” Todo reino dividido contra si mesmo é devastado; e toda a cidade ou casa (ou igreja, digo eu), contra si mesma não subsistirá”.
    Penso, que Igreja não pode tolerar, permanentemente ter entre os seus membros “lobos vestidos de cordeiros”. Pessoas que não tem outro objetivo que náo seja, enxovalhar, macular,rebaixar, denegrir e desacreditar. Tem que serem excomungados mesmo!

    Penso até, que a Igreja é muito tolerante com certos grupos que se identificam como membros.

    Um pais, para que os indivíduos possam viver em relativa harmonia, necessitam de uma constituição, que vise o bem comum. Uma igreja da mesma forma. Quem não sente-se confortável que saia pela mesma porta que entrou!!!

    Os hebreus já divisavam a existência do constitucionalismo como movimento de organização do Estado, que criase limites, pela chamada “Lei do Senhor” ao poder político. Cabia aos profetas, legitimados pelo poder popular fiscalizar os atos dos indivíduos que ultrapassasssem os limites da Lei. A Igreja atual, também tem suas regras, normas e conceitos.
    Quem não quer cumprir com os mandamentos, conceitos e regras, tem que sair ou ser excomungado.

    As pessoas perfeccionistas, por serem exageratamente exigentes, tem um vício inconsciente da raiva, por não encontrarem a perfeição no que procuram ou desejam.

    Por serem muito exigentes consigo e com os outros, são muito difíceis de agradar, preocupam-se com os mínimos detalhes. Sua exigência os torna pessoas rígidas e intolerantes. Sempre que as coisas estão incompletas, estas pessoas, consideram as críticas construtivas.

    Lembrem-se: “Somos um vaso em construção nas mãos de nosso Criador”.
    Ainda não somos o vaso perfeito, estamos em um processo de perfeição; e isso serve para qualquer um de nós nascido nesta terra.
    Penso, que esta faltando tolerãncia e sobrando orgulho e vaidade.

    Assim, penso eu, com amor!

    • eu concordo plenamente com vc Wilson Pinto , e Jesus Cristo ja antes nos deixou escrito que: ” muitos sao chamados , mas poucos sao escolhidos”, A Igreja de Jesus Cristo é perfeita sim, nao importa o que dizem eu a amo muito. e quero estar nela para sempre.

    • Vc está totalmente certo Wilson… se questionar tem que ser mandado pra fora da igreja, mesmo… se quer acreditar, que seja as cegas!

    • Com a diferença que a igreja supostamente é liderada por Deus, e os líderes mesmos não admitem erros próprios, tudo é profecia e deve ser obedecido sem questionar. Aí com o tempo as “profecias” de Deus mudam? Deixam de acontecer? Deus mudou de opinião, agora ele tem que se adaptar à sociedade? Por quê não Deus mudar a sociedade, ao invés de a sociedade mudar o que a Igreja é ao longo do tempo, como tem acontecido? Não vejo problema nisso na real, mas isso contradiz o conceito de Deus estar regendo a Igreja, e não me permite permanecer como membro. Não tenho intenção de participar de instituições tão problemáticas assim.

    • Wilson, aqui vão alguns exemplos de pessoas que foram excomungadas de sua própria religião (aliás, não só excomungadas, mas perseguidas e expulsas): Lehi, Abinadi, Néfi, Samuel o Lamanita, Jesus Cristo, Éter, Joseph Smith, entre outros. O grande erro de todos os tempos é adorar a instituição e os líderes eclesiásticos, e falhar em reconhecer a voz daqueles que realmente pregam a verdade.

  4. Mais uma vez esse site antimormon com suas matérias “super relevantes”.
    A contar pelo cabelo cumprido, barba e crussifixo atrás dele já da pra perceber o tipo de membro “obediente” que era.

    • Caro Moroni Rolim,
      O seu comentario, alem de estar recheado de erros de portugues, apresenta tambem um preconceito tosco, que deixam evidentes crendices como tamanho do cabelo e uso de barba pelos homens. Eh sofrivel!!! Sobre o assunto em si, voce nao disse nada, preferiu a tentativa de desqualificar aquele que voce considera adversario/inimigo. Acho que voce nao leu o texto, e, se o leu, nao entendeu!

    • Pois é Moroni.

      E se eu te disser que os padrões de barba (e outras coisas) hoje tem mais haver com motivos nada santos (Freud explica) do que moralidade ou dignidade? Isso te faria pesquisar um pouco os motivos disso e outras práticas nada escriturísticas que pouco ou em nada acrescentam por si só à espiritualidade de uma pessoa?

      Em suma, seu tratamento em palavras indica claramente o que o excesso de zelo com a aparência faz de mal ao coração (o ‘padrão’ não é mais importante do que a caridade). Ou seja, você está sendo moldado, como eu e tantos outros, a julgar as pessoas antes de ajudá-las. É muito fácil usar isso como desculpa para não fazer o que Cristo faria. Pensa um pouco: suas palavras e ações mostram o cristão que deveria parecer ou é mais fácil parecer (barba, gravatinha, sentado no banco todos domingos) do que ser?

      Desculpa a sinceridade, caso eu esteja sendo duro. Espero que te ajude a refletir um pouco. Mas caso fique zangado e não te ajude em nada o que escrevi, podes simplesmente ignorar o que escrevi e seguir tua vida perfeitamente. Vou te entender acaso isso faça.

    • Desde quando barba e cabelo comprido são sinais de desobediência? É importante lembrar que toda vez que igreja caiu em apostaria o Senhor chamou pessoas FORA do meio eclesiástico para reestabelecer a igreja, Lehi;Abinadi; Samuel o Lamanita e mesmo Joseph Smith e características comum entre eles é que eles não pareciam, se vestiam ou pensavam como aqueles da igreja. Se um profeta surgir no nosso meio hoje, ele certamente será rejeitado ou chamado de louco assim como disseram dos verdadeiros profetas antigos, por outro lado se alguém prega do púlpito que tudo vai bem em Siao dai essa pessoa e adorada e honrada pela multidão.

  5. É assim mesmo. Cada um tem que lutar por sua salvação e exaltação. Quem segue ao Senhor será abençoado. Então quem é bondoso diariamente sente-se bem independente de ter religião ou não. E muitos ateus que são bondosos não têm interesse de receber revelação espiritual nenhuma. E aqueles de outras religiões não têm interesse de receber revelação espiritual das outras doutrinas. Cada tem que lutar fielmente para receber revelação espiritual que é mais pessoal, para que possa decidir se quer ou não ser membro. Melhor é ser sincero ao Pai Celestial e seguir os sussurros do Espírito. Boa sorte a todos.

  6. Estou muito interessado em conhecer pessoas que busquem, como eu, independentemente do que pensam, falem ou façam líderes eclesiásticos, reunificar o mormonismo. Quem se dispuser a aderir ao processo que iniciei de estudo e mais tarde de ações visando voltar às origens, incorporando à nossa igreja os fundamentos perdidos encontráveis na Igreja Fundamentalista de JC dos SUD e na Igreja Reorganizada de JC dos SUD, por favor comunique-se comigo.

  7. Parece que o Wilson tá falando dele mesmo. Ele daria um bom membro da inquisição da igreja na idade média. Quanta iguinorância! pensada com amor.

Deixe um comentário abaixo:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s