Dicionário de Mormonês

Mórmons têm um linguajar específico e idiossincrático. Não é incomum visitantes ou “investigadores” (ver abaixo) sentirem-se intimidados ou mesmo excluídos dentro de um contexto exclusivamente Mórmon por causa da diferença entre o vernáculo popular e o específico ao Mormonismo. Tendo isso em mente, lançamos esse projeto colaborativo: Escrever e disponibilizar um dicionário de Mormonês!

'Jovem lendo à luz de vela', por Matthias Stom (1600-1652)

‘Jovem lendo à luz de vela’, por Matthias Stom (1600-1652)

Como você pode colaborar? Abaixo iniciamos uma lista com alguns verbetes ou expressões que são característicos para Mórmons mas que podem ser completamente incompreensíveis para um não-Mórmon. Envie mais verbetes de expressões Mórmons, com suas sugestões de explicações sucintas, e as incluiremos nesta lista.

Palavras circunscritas com asteriscos (e.g., *abelinha*) indicam que haja um verbete explicando esta palavra. A lista, naturalmente, encontra-se em ordem alfabética. E, obviamente, permanece incompleta aguardando novas sugestões. Anotações AEC e EC denotam anos Antes da Era Comum e da Era Comum, referente ao calendário Gregoriano.

DICIONÁRIO MORMONÊS

Abelinha: Moça Mórmon (12 e 13 anos de idade).

Ação Disciplinar: Inquisição oficial, liderada por um *Bispo* ou *Presidente de Estaca* para determinar se um membro de Igreja deve ou não ser punido por *transgressão*. Também chamado de *corte do amor*.

Ala: Congregação.

Apostasia: 1) Crença divergente das crenças ou doutrinas aceitas pela Igreja; 2) Estado de estar em oposição às crenças ou doutrinas aceitas pela Igreja.

Apóstata: Membro da Igreja que não acredita em todas as crenças da Igreja.

Apóstolo: Liderança máxima da Igreja, usualmente num grupo de 12 homens chamado de *Quórum dos Doze*, abaixo apenas da *Primeira Presidência* (remunerado).

Área: 1) Menor região geográfica de atuação de *missionários* no *campo*; 2) Região geográfica administrada por *Autoridades Gerais* que abraça diversas *Estacas*.

Armazenamento: Prática de guardar alimentos em casa para o caso de necessidade, levada a sério como um mandamento de Deus.

Autoridade de Área: Homem responsável por administrar as *Estacas* como chefe dos *Presidentes de Estacas*, agindo como representante local das *Autoridades Gerais* (não remunerado). Antigamente chamados de “Representante Regional”, ganharam uma promoção em título para o de maior status “*Setenta* Autoridade de Área”.

Autoridade Geral: Homem que exerce liderança global na Igreja, podendo ser *Profetas*, *Apóstolos*, ou *Setentas*(remunerado).

Barra de Ferro: 1) Em alegoria narrada pelo *Profeta* *Joseph Smith* no *Livro de Mórmon*, a barra de ferro simbolizava a “palavra de Deus”; 2) Gíria popular para obediência absoluta aos líderes, rituais, e práticas da Igreja.

Batismo pelos mortos: Rito religioso realizado apenas nos *templos* através do qual Mórmons batizam falecidos que nunca foram batizados como Mórmons por procuração. Mórmons acreditam que apenas Mórmons batizados poderão ir para o *Reino Celestial* após a morte.

Benção de saúde: *Ordenança* para cura dos enfêrmos através de *imposição de mãos* e *unção com óleo consagrado*.

Benção Patriarcal: Profecia pessoal e customizada para cada membro da Igreja, proferida por *patriarca* (usualmente, designado por *estacas*) e guardada  para ser lida e re-lida como *escritura* pessoal.

Bible Bash: [gíria] Debater versículos e argumentos bíblicos a fim de provar a veracidade ou supremacia da doutrina Mórmon.

Bispo: Homem responsável por uma congregação, equivalente a Pastor (não remunerado).

Bosque Sagrado: Pomar na fazenda dos pais de Joseph Smith, onde ele teria vivenciado a *Primeira Visão*.

C. T. M.: Centro de Treinamento de *Missionários*, onde missionários moram 3 ou 8 semanas receber instruções em como ser um missionário antes de sair para o *campo*.

Campo: Área de atuação de *missionários* (oriundo de “campo missionário”). O “campo” é subdividido em *missão*, *zona*, *distrito*, e *área*.

Carta Azul: [gíria] Carta que *missionário* (usualmente rapaz) recebe de sua namorada contendo declaração do fim do namoro à distância (Dear John, o têrmo em inglês, também é popularmente usado).

Carta de Resignação: Solicitação formal de *resignação*.

Casamento Celestial: 1) Casamento realizado dentro do templo Mórmon que, diferente dos casamentos fora do *templo*, dura para sempre. Apenas Mórmons “dignos” podem realizar esse casamento; 2) *Poligamia*.

Casamento Plural: *Poligamia*.

Caravana do Templo: Peregrinação coletiva de membros para algum *templo* mais distante.

Cerimônias de Ablução, Unção e Investidura do Garment:  *Ordenança* praticada nos *templos* como um ritual de purificação pela água e *unção com óleo*, possibilitando o participante a tornar-se “rei e sacerdote” ou “rainha e sacerdotisa” na vida após a morte. Nesta cerimônia receb-se e aprende-se sobre a utilização obrigatória e vitalícia do *garment*.

Chamado: Cargo voluntário.

Chamado de eleição: Doutrina que define quando certos Mórmons garantem sua *exaltação* ainda em vida, sem possibilidade de perdê-la salvo em caso de homicídio de inocentes ou *negar o Espírito Santo*.

Chamado missionário: Documento enviado do escritório do *Presidente da Igreja* indicando onde o *missionário* irá servir sua *missão de tempo integral*.

Chaves: Autoridade eclesiástica ou carismática, exclusivamente para homens.

Círculo de Oração:  Ritual de preces ou rezas comunitárias quando homens e mulheres formam um círculo para rezar juntos no que é chamado “a verdadeira ordem de oração”. Ritual comunitário e espontâneo até 1978, quando a *Primeira Presidência* decidiu que só se poderia realizá-lo dentro dos *templos*.

Coligação de Israel: Reunião física, geográfica, e espiritual de Mórmons e Judeus antes da *Segunda Vinda*.

Colobe: Estrela mencionada na *Pérola de Grande Valor* como sendo a mais próxima ao “trono de Deus” e que “governa todos os planetas” como a Terra. Também escrito “Kolob”.

Conferência de Estaca: Reunião dominical na *Estaca* para todas as *alas*, durando 2 horas, e que ocorre semestralmente.

Conferência Geral: Reunião semestral quando as *autoridades gerais* discursam para toda a Igreja, usualmente no primeiro fim de semana de abril e de outubro, organizado em 3 sessões de duas horas no Sábado e 2 sessões de duas horas no Domingo. O site Vozes Mórmons oferece cobertura ao vivo da Conferência Geral.

Corte do amor: Ver *ação disciplinar*.

Consagração do óleo: *Ordenança* para preparar azeite de oliva (100% virgem ou extra-virgem) para *ordenança* de cura dos enfêrmos.

Conselheiro: Cargo de confiança para líderes como *Bispos* e *presidentes*, usualmente em pares (i.e., dois conselheiros para cada líder).

Conselho dos Cinqüenta: Governo teocrático estabelecido por *Joseph Smith*,  constituindo o Reino de Deus na Terra, composto por 50 homens de confiança do *Presidente da Igreja*, este sendo coroado Rei da Terra. Secreto durante todo o século 19, a Igreja SUD apenas formalmente reconheceu sua existência no início do século 21.

Cumorah: 1) Colina (ou monte) próximo ao lar de Joseph Smith na sua adolescência, onde ele narra ter encontrado as *placas de ouro* enterradas; 2) Colina citada no Livro de Mórmon como sítio da última batalha entre *Nefitas* e *Lamanitas* em 385 EC, resultando no massacre de mais de 240 mil soldados e demais civis Nefitas. Também citada como sítio da última batalha na Guerra Civil *Jaredita* no século 7 AEC com mais de 2 milhões de soldados mortos.

Danitas: 1) Homens organizados em instituição paramilitar por *Joseph Smith* para atuar como polícia secreta e lutar contra os *apóstatas* e inimigos da Igreja. O nome “Danita” refere-se ao Reino previsto pelo profeta Daniel, o qual esmagaria todos os outros reinos; 2) Gíria para membros da Igreja que fazem apologia a agressões verbais, morais ou físicas a críticos da Igreja.

Dedicação do templo: Ritual religioso através do qual um *templo* é dedicado a Deus, tornando-se fechado a todas as pessoas exceto aqueles que possuem uma *recomendação para o templo*. A crença popular, embora nunca ocorrido, é que o templo deve ser rededicado novamente se alguém “profaná-lo” adentrando-o sem uma *recomendação* ou sem ser *digno*.

Desassociação: Condenação pública de membro da Igreja, restringindo-lhe sua participação religiosa, porém sem chegar ao extremo da *excomunhão*.

Deseret: Tentativa de Brigham Young para um Estado dos Estados Unidos da América, ou mesmo um país independente. Jamais aceito pelo governo estadunidense, que criou o Território de Utah contra os desejos de Young. Derivado do têrmo à abelha do mel no *Livro de Mórmon*.

Dia do Senhor: 1) Domingo, quando não se deve trabalhar ou gastar dinheiro; 2) Data da *Segunda Vinda de Cristo* (i.e., o Grande e Terrivel Dia do Senhor).

Diácono: Rapaz (12 e 13 anos de idade) responsável por distribuir o *sacramento*.

Dignidade: O estado de ser um membro da Igreja que segue todas as regras. Comumente usado na expressão “ser digno” ou “membro digno”.

Dispensação:  Época ou período quando Deus designa alguém para representá-Lo na Terra. Divide-se a história humana em 7 dispensações, cada qual liderada por um *profeta* (ou um “cabeça”), encumbidos com as *chaves* do *sacerdócio* : Adão, Enoque, Noé, Abraão, Moisés, Jesus Cristo, Joseph Smith.

Distrito: 1) Segunda menor região geográfica de atuação missionária no *campo*, abraçando várias áreas e administrada por um *Líder de Distrito*; 2) Versão reduzida de uma *estaca*, com *ramos* ao invés de *alas*.

Dízimo: Regra de conduta absoluta que exige que Mórmons paguem 10% de seus salários para a Igreja.

Dom do Espírito Santo: 1) *Ordenança* de confirmação de *batismo*; 2) Direito de todo Mórmon de receber inspiração divina através do Espírito Santo.

Doutrina e Convênios: *Escritura padrão* da Igreja SUD, ditada por Joseph Smith para escribas,contendo suas revelações e visões.

Doutrina Profunda: Crenças especulativas sem respaldo oficial da Igreja, porém popular entre os membros.

Élder: 1) Membro masculino entre 18 e 35 anos de idade; 2) *Missionário* masculino; 3) *Autoridade Geral* ou *Autoridade de Área*.

Eleito: Pessoa que Deus escolheu na *vida pré-mortal* para se tornar um Mórmon, ser fiel às suas regras, e receber sua *exaltação*.

Entrevista: Conversa formal com algum líder da Igreja (homem) para determinar se o(a) entrevistado(a) é uma pessoa *digna* ou não.

Entrevista batismal: Conversa formal com algum líder da Igreja (homem) para determinar se o(a) entrevistado(a) é uma pessoa *digna* ou não para se batizar Mórmon.

Escola dos Profetas: Escola organizada por Joseph Smith entre 1833 e 1836 com o intuito de oferecer aulas sobre religião, gramática, doutrina, filosofia, matemática, e literatura para membros adultos. Reorganizada por Brigham Young entre 1867 e 1872, e John Taylor entre 1883 e 1884, ganharam maior conotação financeira e cooperativa nestas últimas versões.

Escrituras Padrão: Os 4 livros canônicos da Igreja SUD, i.e., o *Livro de Mórmon*, a *Doutrina e Convênios*, a *Pérola de Grande Valor*, e a Bíblia Sagrada.

Estaca: Grupo de *alas*, usualmente com uma sede central.

Exaltação: Maior grau de glória pós-mortal, quando Mórmons cumprem o *plano de salvação*, tornando-se deuses como o *Pai Celestial*.

Excomunhão: Expulsão de membro da Igreja de seus rols oficiais, seja por pecados considerados graves (e.g., adultério, assassinato, pedofilia, etc.), seja por *apostasia*. Uma pessoa excomungada não pode participar dos rituais da Igreja e não podem se encontrar com sua família na vida após a morte.

F. S. Y.: Programa de atividades para jovens Mórmons entre 14 e 18 anos de idade. Derivado do inglês For the Strength of the Youth (“Pelo Vigor da Juventude”).

Fazer Divisão: [gíria] Membros saem para trabalhar com os *missionários*, dividindo a dupla de missionários em um quarteto, já que missionários são proibidos de trabalhar sozinhos.

Filho(s) da Perdição: 1) Satanás ou *Lúcifer*, o inimigo de Deus; 2) Aqueles que seguiram Satanás e foram expulsos do céu por rebelião na *vida pré-mortal*; 3) Aqueles que cometem o pecado imperdoável de *negar o Espírito Santo*.

Fubeca: [gíria] Membro da Igreja que não cumpre com todas as regras e expectativas de conduta.

Fundo Missionário: Conta bancária da Igreja destinada a financiar os *missionários*.

G. H.: [gíria]  Ato ou comportamento religioso destinado à busca de elogios ou admiração de correligionários, ou à ambição de promoções eclesiásticas (oríundo do têrmo “Glória dos Homens” em contraposição à “Glória de Deus”).

Garment: Roupa íntima para homens e mulheres (camisa e cueca boxer, sempre brancas) que Mórmons recebem no momento de *investidura*, devem vestir a vida inteira (sempre em direto contato com a pele), e lhes serve de “escudo e proteção”.

Gentio: Pessoa não Judia e não Mórmon. Mórmons literalmente se tornam Judeus através do *dom do Espírito Santo*. (Ameríndios, ou *Lamanitas*, são Judeus!)

Grande Apostasia: Período entre a morte dos Apóstolos originais do Novo Testamento e Joseph Smith.

Hump Day: [gíria] Aniversário de um ano para *missionários* e nove meses para missionárias.

Imposição das mãos: *Ordenança* através da colocação das mãos sobre a cabeça, como conferir *sacerdócio* ou o *dom do Espírito Santo* ou *benção de saúde*, acompanhado de *oração*, sempre realizada por homens.

Inimigo: Gíria para *Lúcifer* ou Satanás. Utilização comum entre membros que crêem que usar seus nomes próprios atraem-no para perto de si.

Instituto: Aulas de religião para jovens entre 18 e 30 anos.

Investigador: Pessoa não-membro da Igreja que está visitando ou sendo ensinada por *missionários*.

Investidura: Rito religioso realizado apenas em *templos* quando membros da Igreja recebem seus *garments* e recebem promessas de *exaltação*. Inclui um filme sobre a criação da Terra, Adão e Eva, a *queda de Adão*, e a missão de Jesus Cristo para nos redimir da queda. Inclui também os apertos de mãos secretos que permitirão adentrar o *Reino Celestial*.

Jareditas: De acordo com o *Livro de Mórmon*, ameríndios Cristãos entre 2700 AEC e 600 AEC descendentes dos imigrantes acádios Jarêde e seu irmão.

Jejum: Não comer ou beber nada por 24 horas.

Jesus Cristo: Salvador da humanidade, Filho mais velho de *Pai Celestial* com *Mãe Celestial* no espírito e de Pai Celestial com Maria na carne, morreu pelos pecados de todos, *ressuscitou* dos mortos na carne, e centro da adoração religiosa Mórmon.

Joseph Smith: O *Profeta* de Deus mais importante na história da humanidade, fundador da fé Mórmon.

Journal of Discourses: Diário dos Discursos, constituindo de 26 volumes com sermões públicos de líderes publicado pela *Primeira Presidência* entre 1854 e 1886.

Lamanitas: 1) Ameríndio ou nativo americano; 2) De acordo com o *Livro de Mórmon*, ameríndios descendentes dos imigrantes hebraicos Lehi e Lamã, amaldiçoados por Deus com pele escura por suas “iniquidades”, antepassados direto dos ameríndios de hoje.

Laurel: Moça Mórmon (16 e 17 anos de idade), responsável por não se vestir de modo a provocar pensamentos sexuais nos jovens Mórmons e preparar-se para casar-se no *templo* e ter filhos.

Lava-pés: *Ordenança* realizada dentro do *templo* para *remissão dos pecados* apenas para a alta liderança da Igreja. Frequente no século 19, é incerto o quanto ainda é praticada hoje em dia.

Lei da Consagração: *Convênio* feito por todo membro da Igreja SUD nos *templos* para dedicar (e entregar) todos os seus bens materiais, dinheiro, tempo, dedicação, etc., para a Igreja. Em teoria, e nas escrituras Mórmon, os membros entregam todas as suas posses à Igreja, e ela distribui aos membros “de acordo com suas necessidades“.

Liahona: 1) Bússula mágica usada no *Livro de Mórmon* para guiar a família de imigrantes hebraicos para fundar uma colônia Cristã nas Américas aprox. 580 AEC; 2) Nome de uma revista mensal da Igreja.

Líder da Obra: Membro da Igreja responsável para coordernar os esforços *missionários* em sua *ala*. Título oficial é líder da obra missionária da ala.

Líder de Distrito: *Missionário* no *campo* responsável pela administração de um *distrito*.

Líder de Zona: *Missionário* no *campo* responsável pela administração de uma *zona*.

Língua Adâmica: Língua falada por Adão e Eva e seus filhos antes da Torre de Babel, usada até hoje por anjos.

Livro de Mórmon: *Escritura padrão* da Igreja SUD, ditada por Joseph Smith para escribas, que narra a estória de Judeus que vieram da Palestina em 600-500 AEC e colonizaram as Américas, formando as nações ameríndias, além da visita de Jesus Cristo a eles logo após a Sua *ressurreição*.

Lúcifer: Filho proeminente do *Pai Celestial* que apresentou um *plano de salvação* diferente do apresentado por *Jesus Cristo* na *vida pré-mortal* e, sendo rejeitado, rebelou-se contra Deus e fui expulso à Terra sem um corpo físico. Um terço de todos os espíritos desencarnados, filhos de Deus, seguiram Lúcifer e foram expulsos com ele.

M.L.S.: Software de sistema de controle de dados e informações da Igreja e seus membros (Derivado da sigla em inglês member and leader services, que traduz para ‘serviços para membros e líderes’).

Mãe Celestial: Esposa, ou uma das muitas esposas, do *Pai Celestial*, co-criadora de nossos corpos de espírito.

Maldição de Caim: Maldição colocada sobre Caim e seus descendentes, explicando porquê negros existiam e porquê não podiam receber o *Sacerdócio* ou participar nos rituais do *templo* até 1978.

Mãos Que Ajudam: Programa de propaganda e relações públicas da Igreja com apresentação de serviços comunitários.

Massacre de Mountain Meadows: Chacina cometida em 1857 por membros e líderes da Igreja e acobertada pela Igreja SUD, contra 120 homens, mulheres e crianças inocentes. Também traduzido como “massacre do monte meadows” ou “chacina do monte meadows” ou “chacina das campinas montanhosas”.

Menina Moça: Moça Mórmon (14 e 15 anos de idade), responsável por não namorar antes de se tornar uma *laurel*.

Mestre: Rapaz (14 e 15 anos de idade) responsável por preparar o *sacramento* e acompanhar os *mestres familiares*.

Mestre Familiar: Homem (sempre em pares) que visita famílias de membros mensalmente para checar neles.

Milênio: Período de mil anos depois da *Segunda Vinda de Cristo*, quando Jesus governará a Terra através do *Profeta* Mórmon (que servirá de Rei da Terra) na cidade de Independence, Missouri, EUA.

Missão: Quarta menor região geográfica de atuação missionária no *campo*, abraçando várias zonas e administrada por um *Presidente de Missão*.

Missionário: Funcionário voluntário da Igreja, usualmente responsável por converter novos membros para ela (não remunerado, porém sustentado pela Igreja).

Missão de Tempo Integral: Trabalhar como missionário para a Igreja por 2 anos, para homens, ou 18 meses, para mulheres. O trabalho é voluntário, porém exige dedicação exclusiva, e o voluntário raramente tem opção de onde morar ou servir.

Mórmon: De acordo com o *Livro de Mórmon*, ameríndio branco que foi profeta Cristão entre 311 e 385 EC. Além de líder religioso *Nefita*, serviu como comandante militar supremo, e historiador. Nessa função, organizou os escritos proféticos e históricos de seu povo e engravou seu resumo nas *placas de ouro*.

Nefitas: De acordo com o *Livro de Mórmon*, ameríndios brancos Cristãos entre 600 AEC e 400 EC descendentes dos imigrantes hebraicos Lehi e Néfi. Exterminados pelos *Lamanitas* em torno de 421 EC.

Negar o Espírito Santo: Quando um Mórmon vê Deus ou Jesus Cristo pessoalmente mas ainda assim abandona a fé.

Noite Familiar: Usualmente às segundas-feiras, todos membros da Igreja devem reunir-se em família uma noite por semana para atividades recreativas e religiosas.

Nova Jerusalém: *Sião*.

Nove Nome: Todo membro da Igreja que recebe sua *investidura* no *templo* é designado um codinome secreto, dentro de uma lista rotatória, que só pode ser repetido o seu marido (se for mulher) no dia do casamento, e no dia do julgamento final para entrar no *Reino Celestial*.

O.R.M.: Grupo de jovens Mórmons, i.e., Organização de Rapazes e Moças. Uma conjunção de dois grupos de jovens, a Organização dos Rapazes e a Organização das Moças.

Obra Vicária: Mórmons realizam as *ordenanças* do *templo* para seus antepassados que não tiveram oportunidade de ser Mórmon durante suas vidas, como o *batismo pelos mortos*, *investidura* pelos mortos, e *selamento* pelos mortos. É a raíz de todo interesse e investimento em genealogia.

Oferta de Jejum: Dinheiro economizado durante o *jejum* que deve ser entregue para a Igreja, que então deve ser utilizado para ajudar os pobres.

Oficiante do templo: Homem ou mulher que já recebeu sua *investidura* e voluntaria dentro do *templo* para ajudar nas *ordenanças* lá realizadas.

Oito Testemunhas: Oito amigos (todos da família Whitmer, dois dos quais estavam entre as *três testemunhas*) e parentes (pai e dois irmãos) de *Joseph Smith* que tiveram visões sobre as *placas de ouro*.

Olhos Espirituais: Declaração epistêmica de certeza de crença baseada em critérios subjetivos sem evidências tangíveis ou racionais (e.g., “ver” com olhos espirituais e não com olhos naturais).

Oração: Reza, prece.

Oração Sacramental: Prece recitada durante o *Sacramento*, não podendo desviar do texto estabelecido.

Ordem Unida: Cooperativa econômica destinada a implementar a *lei da consagração*.

Ordenação: Ordernar ao *Sacerdócio* significa conferi-lo a algum homem.

Ordenança: Ritual religioso.

Ordernar: Ver *ordenação*.

P-day: Dia de folga para *missionários* (Derivado do inglês preparation day, que significa dia de preparação).

Padrão de Compromisso: Conjunto de técnicas de vendas ensinado a missionários e líderes como ferramentas para induzirem *pesquisadores* e membros da Igreja a cumprirem suas regras.

Pai Celestial: Deus. Mórmons preferem o têrmo “Pai Celestial” a todas as outras formas de título para Deus.

Palavra de Sabedoria: Regra de conduta absoluta que proíbe Mórmons de beber álcool, café ou chá preto, fumar, ou usar drogas recreativas.

Paraíso: 1) Lugar aonde Mórmons vão após a morte para aguardar sua *ressurreição*; 2) Onde viviam Adão e Eva (na região do atual estado de Missouri, na América do Norte).

Patriarca: 1) Evangelista; 2) Homem autorizado a profecias pessoais e customizadas chamadas de *benção patriarcal*.

Período Probatório: Tempo indeterminado quando o membro é vigiado por seus líderes para averiguar se seu comportamento merece *desassociação* ou *excomunhão*, ou se pode ser “perdoado” pela Igreja.

Pérola de Grande Valor: *Escritura padrão* da Igreja SUD, ditada por Joseph Smith para escribas, contendo narrativas de sua estória pessoal e narrativas alternativas das estórias de Moisés e Abraão.

Pesquisadores: Pessoas não-membros que visitam a Igreja ou são visitadas pelos missionários e que são vistas como conversos potenciais.

Pioneiros: Mórmons que, no período inicial da história da Igreja, colonizaram Missouri, Illinois, e depois Utah. Romantizados como heróis da fé, emprestam prestígio aos membros mais antigos em suas determinadas regiões.

Placas de Ouro: Joseph Smith descreve ter encontrado na colina *Cumorah* placas, feitas de ouro, encadernadas como um livro por 3 anéis de ouro, nas quais estava engravado texto em hieróglicos. Smith traduziu, através do *Urim e Tumim*, o texto e publicou-o sob o título *Livro de Mórmon*.

Plano de Salvação: O propósito da vida, através do qual Deus criou a Terra para permitir que Seus filhos espirituais pudessem receber corpos mortais, aprender lições de vida através de obediência absoluta, morrer, receber novos corpos imortais através da *ressurreição* de Cristo, viver pra sempre, ter seus próprios filhos espirituais, e repetir o ciclo com eles.

Poliandria: Prática de casamento onde uma mulher tem dois ou mais maridos. *Joseph Smith* teve ao menos 11 esposas em arranjos poliândricos.

Poligamia: Casamento entre um homem e várias mulheres. Também conhecido como *casamento plural*, *casamento celestial*, “novo e sempiterno convênio”, “o princípio eterno”, “o princípio”, “a prática” ou poliginia. Estabelecido extra-oficialmente em 1831, oficialmente em 1852, poligamia foi suspensa pela Igreja SUD oficialmente em 1890 e extra-oficialmente em 1904. Não obstante, várias igrejas Mórmons ainda a praticam até hoje.

Presidente de Ramo: Homem que exerce a mesma função que um *Bispo*, com menos autonomia (não remunerado).

Presidente de Estaca: Homem responsável por administrar uma *Estaca* e seus *Bispos* (não remunerado).

Presidente de Missão: Homem *missionário* no *campo* responsável por administrar uma *missão* (remunerado).

Presidente da Igreja: Líder máximo da Igreja, o *Profeta* que fala em nome de Deus, e não deve ser questionado nunca (remunerado).

Presidente do Templo: Homem responsável por administrar um *templo* (remunerado).

Prestar Testemunho: Declaração de crença (e.g., “eu presto meu testemunho” = “eu acredito”).

Primária: Organização para educação religiosa de crianças de 3 a 12 anos.

Prisão Espiritual: Lugar aonde os não-Mórmons vão após a morte para aguardar sua *ressurreição*.

Programa de Bem Estar: Programa da Igreja para ajudar, treinar e orientar os pobres apenas se houver oportunidade e possibilidade para que se torne autossuficiente.

Professora Visitante: Mulher (sempre em pares) que visita mulheres mensalmente para checar nelas. Comparar com *mestre familiar*.

Profeta: 1) Presidente da Igreja SUD; 2) “O Profeta” com “P” maiúsculo usualmente, mas não exclusivamente, refere-se a Joseph Smith; 3) Um dos três atributos oficiais dos 15 homens na *Primeira Presidência* e no *Quórum dos Doze*. Refere-se à habilidade ou autoridade para profetizar o futuro e relatar a vontade de Deus.

Primeira Presidência: Liderança máxima da Igreja, constituída pelo *Profeta* (ou Presidente) e seus dois conselheiros (remunerados).

Primeira Visão: De acordo com o relato de 1838 por Joseph Smith, ocasião quando *Pai Celestial* e Jesus Cristo vieram em 1820 contar-lhe que todas as religiões são “uma abominação” e que Smith deveria fundar uma igreja, ou, *restaurar o evangelho*.

Profeta: *Presidente da Igreja*, líder máximo da Igreja que fala em nome de Deus e não deve ser questionado nunca.

Queda de Adão: Refere-se a estória de Adão, Eva, e o fruto do conhecimento do bem e do mal. Também chamado de *transgressão de Adão*.

Queimar: Repreender, agressiva ou passiva-agressivamente, membros por pecados cometidos ou imaginados, ou por opiniões ou crenças discordantes.

Quórum dos Doze: Liderança máxima da Igreja, abaixo apenas da *Primeira Presidência*, constituída por 12 homens chamados como *Apóstolos*. O cargo é vitalício e em hierarquizado por tempo de serviço: O Apóstolo com maior tempo de serviço é o *Profeta* da Igreja, podendo escolher dois Apóstolos quaisquer para seus conselheiros (ver *Primeira Presidência*), e o Apóstolo com o segundo maior tempo de serviço é o líder do Quórum dos Doze, chamado de “Presidente do Quórum dos Doze”. Derivado do têrmo “Quórum dos Doze Apóstolos”, ele é comumente encurtado porque muitos membros da Igreja acreditam que o têrmo “Apóstolo” seja sagrado e não deva ser repetido em vão.

Ramo: Versão reduzida de uma *ala*, sob a administração de um *Presidente de Ramo* ao invés de um *Bispo*.

Recomendação para o Templo: Documento que autoriza Mórmons a entrar no Templo. Deve ser revalidado a cada 2 anos para que membros demonstrem *dignidade* em 2 *entrevistas* bienais.

Regras de Fé: Lista de 13 crenças básicas da Igreja.

Reino Celestial: Céu na vida após a morte, onde apenas Mórmons poderão viver eternamente com o *Pai Celestial*.

Reino Telestial: Existência eterna e imortal para os pecadores.

Reino Terrestrial: Existência eterna e imortal para as pessoas boas porém que não são Mórmons.

Resignação: Ato oficial quando o membro solicita formalmente, por livre e espontânea vontade, deixar de ser membro.

Ressurreição: Quando o espírito e o corpo físico se juntarão novamente em um corpo imortal, após a *Segunda Vinda de Cristo*.

Restauração do Evangelho: Movimento liderado por Joseph Smith para restaurar todos os ensinamentos de Jesus Cristo então perdidos pelos homens.

Revelador: Um dos três atributos oficiais dos 15 homens na *Primeira Presidência* e no *Quórum dos Doze*. Refere-se à habilidade ou autoridade para revelar profecias e conhecimentos ocultos.

Reunião Dominical: Serviço religioso semanal, usualmente aos Domingos de manhã, de 3 horas de duração.

Reunião de Testemunhos: *Sacramental* no primeiro domingo do mês que oferece “microfone aberto” para qualquer membro *prestar testemunho*.

S. E. I.: *Sistema Educacional da Igreja* (pronuncia-se “sei”).

Saber: Declaração de fé e crença. Mórmons não “crêem” ou “acreditam”, mas “sabem” (e.g., “eu sei que Deus vive” é aceitável, enquanto “eu acredito que Deus vive” não é).

Sacerdote: Rapaz (16 e 17 anos de idade) responsável pelas *ordenanças* do *sacramento* (ou “administrar o sacramento”) e *batismo* (ou batizar membros novos) e *ordenar* novos *diáconos* e *mestres*.

Sacramental: Principal culto religioso, durando 70 minutos, dentro do bloco de *reuniões dominicais*.

Sacramento: Rito religioso celebrando a última ceia de Jesus, realizado todo Domingo. Mórmons comem pão e tomam água.

Sacerdócio: Autoridade para liderar a Igreja e administrar seus ritos religiosos. Exclusividade de homens.

Sacerdócio Aarônico: *Sacerdócio* para rapazes entre 12 e 18 anos de idade.

Sacerdócio de Melquisedeque: *Sacerdócio* para homens acima de 18 anos.

Sala Celestial: Sala no *templo* que representa o *Reino Celestial* e a eternidade com Deus que aguarda apenas os Mórmons que seguem todas as regras da Igreja.

Sala de Ordenanças: Sala no *templo* onde é realizada a *ordenança* da *investidura*.

Sala de Selamantos: Sala no *templo* onde é realizada a *ordenança* da *selamento*.

Santo dos Santos: Área em alguns *templos* aonde apenas o Presidente da Igreja pode entrar para receber revelações.

Santos dos Últimos Dias: Membros da Igreja. “Santos” refere-se ao fato de membros acreditarem em Jesus, e “últimos dias” refere-se a proximidade cronológica dos dias atuais à *Segunda Vinda de Cristo*. Usualmente abreviado como SUD ou S.U.D..

Selamento: Rito religioso realizado apenas em *templos*, permite que familiares possam viver juntos após a morte. Mórmons acreditam que, sem esse rito, familiares estarão condenados a passar a eternidade separados uns dos outros.

Segunda Unção: *Ordenança* exclusiva para a alta liderança da Igreja e seus escolhidos mais próximos para garantir o *chamado de eleição*.

Segunda Vinda de Cristo: Evento antecipado por Mórmons quando Jesus Cristo voltar à Terra, assassinar a maioria esmagadora da humanidade não-Mórmon, e estabelecer os Mórmons como governantes do mundo. O adendo “dos últimos dias” refere-se à proximidade cronológica desse vindo aos dias atuais.

Seminário: Aulas de religião para jovens entre 14 e 18 anos.

Serão: Reunião devocional, usualmente para jovens, usualmente aos Domingos à noite.

Servir missão: Voluntariar-se para uma *missão de tempo integral*.

Sessão do templo: Horário designado para o rito religioso da *investidura*

Setenta: Homem em posição de liderança na Igreja, podendo ser *Autoridade Geral* ou *Autoridade de Área*. Originalmente constituía um grupo, ou quórum, de 70 homens, dos quais 7 serviam como chefes (i.e., Presidentes dos Setenta) com a mesma autoridade e as mesmas responsabilidades que os Apóstolos, evoluiu para ser um grupo subordinado aos Apóstolos, e depois para dois grupos (sendo o Primeiro Quórum dos Setenta para Autoridades Gerais com cargos vitalícios e o Segundo Quórum dos Setenta para Autoridades Gerais com mandatos de 5 anos). Atualmente, há 5 quóruns adicionais, para acomodar os Setenta Autoridades de Área. Os quóruns podem chegar a conter 70 homens e não mais, porém raramente chegam a tanto.

Sião: 1) Sinônimo para a Igreja SUD; 2) Estado de espírito comunitário, indicando união e espírito de corpo entre membros da Igreja; 3) Cidade que servirá de capital mundial do Reino de Deus durante o *milênio*, de onde o *Profeta* governará o mundo, também chamada *Nova Jerusalém*. Localização geográfica aproximada é nos arredores da presente cidade de Independence, no estado norte-americano de Missouri.

Sistema Educacional da Igreja: Estrutura burocrática que mantém o *Seminário* e o *Instituto* para promover a educação religiosa para jovens de 14 a 30 anos.

Sister: 1) *Missionária* feminina; 2) Esposa de *Autoridade Geral*; 3) Mulher em cargo de liderança de organizações para mulheres, como a *Sociedade de Socorro*. (Derivado do inglês que significa irmã)

Snake: [gíria] Mulher que paquera *missionários*. (Missionários Mórmons são proibidos de envolver-se românticamente; Derviado do inglês snake que significa serpente, possivelmente em alusão à serpente na estória bíblica de Adão e Eva; Scorpion é a gíria para homens que paqueram missionárias)

Sociedade de Socorro: Grupo social para mulheres acima de 18 anos. Carinhosamente apelidada de “soc-soc”.

Sumo Conselho: Grupo de 12 homens (não remunerado) que auxilia o *presidente de estaca* em suas funções.

Sumo Sacerdote: Homem casado e com potencial para servir em *chamados* de liderança, como *Bispo*.

Super Sábado: Sábado dedicado a atividades esportivas, recreativas e religiosas para os membros que frequentam o *seminário* e/ou pertencem à *ORM*.

Templo: Prédio sagrado onde são realizados os ritos especiais para Mórmons, como *investidura*, *casamento celestial*, *selamento*, e *batismos pelos mortos*. Apenas Mórmons que demonstram *dignidade* em 2 *entrevistas* podem entrar nos templos.

Teoria de Adão-Deus: Ensinamento do *Profeta* Brigham Young que o *Pai Celestial* é a mesma pessoa que Adão no Jardim do Éden. *Apóstolos* posteriores a Young cunharam o têrmo impróprio “teoria” para negar que essa doutrina jamais fora ensinada na Igreja, apesar de Young ter ameaçado o Apóstolo Orson Pratt com *excomunhão* caso não a aceitasse.

Testemunho: Crença (e.g., “eu presto testemunho” = “eu acredito”, “receber um testemunho” = “passar a acreditar”, “dar testemunho” = “dizer o que acredita”).

Transgressão: Desobedecer as regras da Igreja.

Transgressão de Adão: Refere-se a estória de Adão, Eva, e o fruto do conhecimento do bem e do mal. Também chamado de *queda de Adão*.

Três Nefitas: De acordo com o *Livro de Mórmon*, 3 ameríndios que receberam de Jesus Cristo a benção de imortalidade há quase 2.000 anos atrás e vagueiam o continente pregando sobre Jesus desde então.

Três Testemunhas: Três amigos (2 da família Whitmer) de *Joseph Smith* que tiveram visões sobre as *placas de ouro*.

Trevas Exteriores: Destino final na eternidade para *Lúcifer*, seus seguidores, e os Mórmons que *negaram o Espírito Santo*.

Trunky: [gíria] *Missionário* com saudades de casa, desfocado no trabalho. (Derivado do inglês trunk que significa malas, possivelmente em alusão a estar com as malas prontas para ir embora)

Unção com óleo consagrado: *Ordenança* para cura dos enfêrmos, onde azeite de oliva (100% virgem ou extra-virgem) previamente *consagrado* é espalhado na cabeça do doente, seguido de *imposição das mãos* para *oração* e *benção*.

Urim & Tumim: 1) Pedras com poderes místicos  usadas para adivinhação ou revelação em conjunção com o Peitoral, como citado na Bíblia Hebraica; 2) Pedras utilizadas por Joseph Smith em conjunção com um chapéu, para receber revelações para *Doutrina e Convênios* ou o texto do *Livro de Mórmon*. Também conhecida como “pedra de vidente”.

Véu do Esquecimento: Amnésia induzida por Deus que bloqueia lembranças da existência pré-mortal (ver *vida pré-mortal*).

Véu do templo: Cortina que separa a *sala de ordenanças* da * sala celestial* no *templo*, representando a separação entre o estado mortal e o estado celestial (após a morte). Simbolos, senhas e sinais associados a este véu são reproduzidos nos *garments*, nunca podendo ser comentados ou demonstrados fora do *templo*.

Vida Pré-Mortal: Existência antes do nascimento terrestre, quando vivíamos todos em corpos de espírito apenas com nossos *Pai Celestial* e *Mãe Celestial*.

Vidente: Um dos três atributos oficiais dos 15 homens na *Primeira Presidência* e no *Quórum dos Doze*. Refere-se à habilidade ou autoridade para visões e conhecimentos ocultos.

Zona: Terceira menor região geográfica de atuação *missionária* no *campo*, abraçando vários distritos e administrada por um *Líder de Zona*.

47 comentários sobre “Dicionário de Mormonês

  1. Nunca ouvi alguém usando, mas li a primeira vez no Livro de Mórmon que não devemos ser “paroleiros”, não esqueci mais essa palavra.
    Paroleiro = aquele que fala em excesso, tagarela, mentiroso.

      • Foi no Guia para Estudos das Escrituras, na verdade. Uma referência a Mt. 12:36.
        Os santos são admoestados a não serem paroleiros e curiosos, falando o que não convém.
        Eu não conhecia essa palavra em português.

    • Na Bíblia em Atos chamam Paulo de paroleiro. essa palavra é muito antiga e ouvi uma vez só uma senhora usá-la. Nunca a ouvi na Igreja.

  2. Acho que a visão de mundo de vocês é muito pequena.Toda religião possui suas próprias terminologias que lhes são características. Se vocês entrassem dentro de uma determinada denominação e ouvissem termos como ” fulano foi levantado”, ” chamado para a graça” ,” fulano obedeceu” ” vocês saberiam do que se trata? Ou se ouvissem o termo ” publicador”” acaso saberiam?

    • Justamente. Por isso estamos compilando essa lista.

      Você tem algum verbete Mórmon com qual contribuir?

      (“Foi levantado” = Ressuscitado; “Chamado para a graça” = Convertido, entrou para o ministério; “Publicador” = Missionário para Testemunhas de Jeová; “Obedeceu” = Convertido, mudou o rumo da vida. Certo?)

Deixe um comentário abaixo:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.