Apóstolo Jeffrey Holland Estava Mentindo?

O Apóstolo Jeffrey Holland foi gravado em um discurso para alunos da Universidade de Harvard há 4 anos atrás declarando afirmações categóricas que foram claramente desmentidas em vídeos privados de reuniões de Apóstolos recentemente vazados ao público por um membro da Igreja.

Jeffrey Holland, Apóstolo (1994-presente)

Jeffrey R. Holland, Apóstolo (1994-presente), Setenta (1989-1994), Presidente da BYU (1980-1989)

Alguém editou uma montagem dos vídeos (áudios) em sequência para facilitar a comparação das afirmações de Holland contra a realidade apostólica a portas fechadas. Considerando que um contradiz o outro, pode-se afirmar que Holland estava mentindo para os alunos em Harvard? Se não mentiu, o que explica essa discrepância?

Assista o vídeo abaixo e/ou leia a transcrição do áudio:

Na edição de vídeo acima ouve-se três pessoas. Primeiro, o Apóstolo Jeffrey Holland em discurso para alunos da faculdade de direito da Universidade de Harvard em março de 2012. Depois, ouve-se o Setenta Autoridade de Área Ralph Hardy apresentando o Senador Federal Gordon Smith aos Doze Apóstolos em uma reunião apostólica privada em fevereiro de 2009, e em seguida o próprio Smith dirigindo-se pessoalmente aos Apóstolos.

[Assista todos os vídeos internos dos Apóstolos da Igreja SUD que vazaram aqui]

Apóstolo Jeffrey Holland:

“Nós cremos que qualquer pessoa que assuma um cargo público, e coloca sua mão sobre uma Bíblia, para declarar lealdade à Constituição, para isso ou para nós, isso é um, chame como quiser, comprometimento moral, religioso, político, social, e se há inerente nessa ideia que algum Santo dos Últimos Dias receberia instruções de Salt Lake ao invés de seu eleitorado ou da lei ou o que quer que seja ao qual jurou fidelidade, isso seria um grave comprometimento, isso seria tão dramático comprometimento para um Santo dos Últimos Dias quanto seria para qualquer cidadão dos Estados Unidos da América.”

Setenta Ralph Hardy:

“Embora eu não consiga me lembrar de nenhum Santo dos Últimos Dias que fossem membros permanentes da equipe [do Senador Smith], é justo dizer que todos em sua equipe são domados pela Igreja¹. Aliás, há alguns meses atrás, o diretor legislativo dele me ligou e disse: ‘Ralph, faz 6 semanas que você não nos liga. O que é que deveríamos estar fazendo?'”

Senador Gordon Smith:

“Eu sei, e eu tenho sido um crítico da guerra contra o Iraque, mas eu devo admitir a vocês que eu votei em favor dela porque eu senti a mão do Senhor nela. Eu espero que dê tudo certo, mas eu posso lhes prometer isso: Vocês nunca enviarão missionários à rua árabe enquanto não houver o Estado de Direito na Arábia. Ele está fincando raízes no Iraque, e no final das contas se tudo for um sucesso, haverá uma oportunidade para começar a se construir a Igreja no Oriente Médio, que é um lugar profundamente tumultuado.”

Setenta Ralph Hardy:

“Na minha experiência, [o Senador Smith] sempre se posicionou, antes de mais nada, como um Sumo Sacerdote e um membro do convênio d’A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, e receptivo e capaz e disposto a servir seus interesses vitais, tanto em Washington, quanto internacionalmente.”

Apóstolo Jeffrey Holland:

“Isso é uma ficção, e eu quero tirar isso do contexto desse ano de eleição e você pode aplicar isso pelos próximos 90 anos. Isso é uma ficção legal, uma ansiedade imaginária, mesmo que perguntando em franca honestidade, como muitos o fazem: Se a lealdade de alguém seria primeiramente ao Presidente da Igreja. Sua lealdade é para o juramento do seu cargo assumido que ele faz com uma mão sobre a escritura que nós abraçamos, e ele deve agir como sua consciência e os oficiais eleitos e seu eleitorado constituído lhes pedem como agir, e isso é uma posição firme que nós tomamos.”

Senador Gordon Smith:

“Meus líderes², eu me sinto honrado em sua presença. Meus pais, Milan Smith e Jessica Udall, me criaram sob um princípio fundamental, e esse era seguir os meus líderes. Portanto, embora eu esteja acostumado a conversar com senadores federais ou mesmo presidentes dos Estados Unidos, sinto-me humilde diante de vocês, porque eu sei quem vocês são, eu conheço bem os meus convênios, e eu sei do papel que vocês desempenham no mundo.”

Apóstolo Jeffrey Holland:

“A última coisa que essa Igreja faria, seria dizer a um oficial eleito como agir, porque isso contrariaria o próprio comprometimento que nós fizemos ao princípio de Estado de Direito.” 

Setenta Ralph Hardy:

“Eu simplesmente não posso enfatizar o suficiente o que significa para A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias ter 5 Sumos Sacerdotes com recomendações ao templo no Senado Federal dos Estados Unidos, e além disso um grande número na Câmara dos Deputados. O que isso significa para a transação de negócios, para ter acesso, ser capaz de influencia decisões, alcançar muito além de nossas fronteiras, e como eu disse em minha introdução do que o Senador Smith tem feito, e eu poderia dizer o mesmo para os nossos irmãos em ambos partidos, tudo isso é de valor inestimável para esta Igreja.”

Senador Gordon Smith:

“Não há nada tão eficaz quanto quando o Ralph Hardy me liga e me diz: ‘Nós precisamos de uma reunião em Roma, nós precisamos de uma reunião em Madri, nós precisamos de uma reunião na Bélgica’. Um Senador dos Estados Unidos consegue tais reuniões. Os Santos dos Últimos Dias tendem a sobressair-se em todos os tipos de profissões, mas não necessariamente nas profissões de governo. Tê-los ali e sabendo que suas recomendações ao templo lhe são mais importantes que seus certificados de eleição, é algo de valor inestimável em termos de tudo o que tenho visto.”

Holland, presente nessa reunião em 2009, em nenhum momento opõe-se (assim como nenhum outro Apóstolo) à discussão de Smith e Hardy sobre como oficiais eleitos devem fidelidade à Igreja e seus líderes acima de tudo, e utilizar seus cargos públicos de modo a beneficiá-la e ajudá-la. Ademais, tanto Smith como Hardy deixam claro para os Apóstolos que seus juramentos no templo exigem especificamente esse tipo de comprometimento deles para com a Igreja, acima de qualquer lealdade governamental ou secular. Contudo, três anos depois, Holland afirmaria em público que justamente esse tipo de pensamento é rejeitado pela Igreja e seus líderes.

Portanto, a pergunta principal aqui é se Holland estava simplesmente mentido para os alunos em Harvard ou se houve alguma mudança de política entre 2009 e 2012. Se não mentiu, e se não houve mudanças, o que explica essa discrepância?


Assista o discurso de Holland em Harvard na íntegra:

O trecho citado acima encontra-se na porção de perguntas e respostas após o discurso. Ouça o áudio na íntegra (trecho citado após a marca dos 30 minutos):

Assista a reunião dos Apóstolos com o Senador na íntegra:


Notas de Tradução
[1] “Church broke” é uma expressão popular, comum entre mórmons em Utah, e faz alusão ao processo de domar cavalos (“breaking horses”).
[2] “Brethren” é uma expressão popular, comum entre mórmons nos EUA, que literalmente significa “irmãos”, porém é especificamente utilizada para aludir aos 15 “irmãos” que compõem a Primeira Presidência e o Quórum dos Doze Apóstolos. Justapõe-se ao termo “brothers” que é utilizado para “irmãos” da Igreja que não pertencem a esses dois quóruns.

12 comentários sobre “Apóstolo Jeffrey Holland Estava Mentindo?

  1. Eu havia assistido essa palestra do Elder Holland na Havard e se eu me recordo bem, ele tambem havia declarado que a igreja nao tinha tido nenhum envolvimento politico na “Prepositon 8” mas todas as alas na California receberam instrucoes de Salt Lake para os Bispos lerem tais instrucoes na sacramental para os membros votarem a favor. Nao vejo muito mal no fato de sermos instruidos de certa forma, afinal e o dever da igreja ensinar e exortar porem acho completamente errado mentir que a igreja nao tem nenhum envolvimento ou influencia na politica. O mesmo acontece com o clero ecelesiastico remunerado, a igreja mente que nao temos um clero pago na igreja quando na verdade os lideres gerais recebem excelentes salarios e beneficios para exercer seus chamados.

  2. Pois é….. editar a história da igreja tbm não é legal! Precisamos de uma operação lava jato na igreja…

    NO MORE LIES! !!

    • A “operacao lava jato” na igreja ja comecou ha algum tempo. Em D&C 64:38-39, o Senhor declarou que os habitantes de Siao (aqueles que seguem a vontade do Senhor) estariam encarregados de julgar quem sao os verdadeiros Profetas e Apostolos. Interessante que esse aviso dado pelo Senhor indica claramente que teriamos falsos Profetas e Apostolos dentro da igreja, o Senhor fala de forma afirmativa.

      38 Pois acontecerá que os habitantes de Sião julgarão todas as coisas pertinentes a Sião.

      39 E por eles pôr-se-ão à prova os mentirosos e hipócritas e CONHECER-SE-ÃO OS QUE NÃO FOREM APÓSTOLOS E PROFETAS.

      Ja na secao 112 de D&C o Senhor declara que os julgamentos caira sobre a terra mas que primeiro cairia sobre sua propria Igreja:

      ” 24 Eis que a vingança cairá rapidamente sobre os habitantes da Terra, um dia de ira, um dia de queima, um dia de desolação, de pranto, de luto e de lamentação; e, como uma tormenta, cairá sobre toda a face da Terra, diz o Senhor.

      25 E SOBRE MINHA CASA PRINCIPIARÁ E DE MINHA CASA ESPALHAR-SE-Á, DIZ O SENHOR;

      26 PRIMEIRO ENTRE OS DE VÓS, DIZ O SENHOR, QUE PROFESSARAM CONHECER MEU NOME E NÃO ME CONHECERAM; E BLASFEMARAM CONTRA MIM NO MEIO DA MINHA CASA, DIZ O SENHOR.

      Nos ultimos anos, varios membros fieis que tentaram alertar os membros sobre os problemas na igreja foram todos calados ou excomungados. Mas com a internet mais e mais as mentiras estao sendo reveladas e os membros que tiverem ouvidos para ouvir saberao quem sao os verdadeiros mensageiros de Deus e quem sao os falsos Profetas e Apostolos.

  3. Os lideres da Igreja realmente não falam a verdade e são pessoas sujeito a todo tipo de falha ou erros. Não estamos na posição de exigirmos perfeição, mas para um homem ser intitulado “homem de Deus ou servo de Deus” esse teria que ter características próximas de pessoas como Abraão, Isaque ou Moisés e nenhum dos “profetas e apostolos” hoje chegam a esse ponto. Antes eu via esses homens como homens de respeito, mas hoje em dia vejo como qualquer outro ser humano. De qualquer forma não critico a doutrina, mas há de convir, enganar as pessoas e não falar a verdadeira situação e posição da igreja não é algo dígno de alguém que se intitula apostolo.

  4. pelo visto alguns de voces sao membros da Igreja. Realmente nossos líderes nao sao homens perfeitos, tão pouco nós somos perfeitos. se o Senhor os chamou é pq confia neles, então pq nós estamos os criticando. Quando criticamos nossos líderes estamos querendo dar conselhos ao Senhor e acho que Ele não precisa disso né? Que possamos focar mais e nos preocuparmos mais em melhorar nossos defeitos ao invés de ficar procurando defeitos na Igreja de Cristo e em nossos líderes escolhidos por Deus.

    • Os seus e os meus defeitos pessoais são irrelevantes, Vânia. Os defeitos pessoais de Jeffrey Holland são irrelevantes.

      As posições de Jeffrey Holland enquanto Apóstolo da Igreja SUD são, contudo, muito relevantes pois estabelecem ou ilustram uma conduta específica para toda a Igreja.

      Dito isso, Vânia, Holland estava ou não estava mentindo?

    • Pense nisso! Perseguição e proibição a familias LGBTs, somente em 1978 negros puderam ter o sacerdócio! (Familias eternas era só pra brancos), poligamia absurdamente promiscua (adolescentes e mulheres casadas com maridos muitas vezes no campo missionàrio eram desposadas)

      A falta de conhecimento bíblico, aulas rasas e mal feitas…

      Nao quero nem continuar….a igreja precisa mudar….logo

      • Sei que essa a a Igreja de Cristo, sei que PARA TUDO existe um propósito, sei que a igreja é de Cristo e que Cristo é justo! Ele vive! Esse site usa de meias verdades, assim como Satanás, O que vocês querem com esse site ? (estudos mórmons?) Destruir a fé ? As pessoas da igreja são falhas, mas a igreja é perfeita !!!!! e outra coisinha o Apostolo de Deus não é um mentiroso ! Quando prestamos testemunho, declaramos a veracidade absoluta da mensagem do evangelho. “Numa época em que muitos vêem a verdade como uma coisa relativa, uma declaração de verdade absoluta não é muito popular nem parece politicamente correta nem oportuna. O testemunho das “coisas como realmente são” (Jacó 4:13) é destemido, verdadeiro e vital porque tem conseqüências eternas para a humanidade. Satanás não se importaria se declarássemos a mensagem de nossa fé e da doutrina do evangelho como algo que variasse de acordo com as circunstâncias. Nossa firme convicção da veracidade do evangelho é uma âncora em nossa vida, tão firme e confiável quanto uma estrela-guia. O testemunho é muito pessoal e pode ser um pouco diferente para cada pessoa, porque toda pessoa é única.”

      • Por favor, Érika, não seja mentirosa.

        Qual “meia verdade” você encontrou no artigo? Ou mesmo no site?

        Ninguém falou que “o Apostolo (sic) de Deus… é um mentiroso”. Mas ele não estava falando a verdade na citação acima, estava? O vídeo não demonstrou isso?

  5. Muita coisa está mudando na igreja.
    Estava agora a pouco lendo sobre o novo site para relacionamento com gays… Vi que algumas pessoas perguntaram o porque da mudança…
    Este artigo tem relação com aquele Holland mente sem duvidas…
    Como os comentários estão encerrados no outro artigo gostaria de externa algo muito simples que justificam as mudanças isso é porque uma pequena % dos apóstolos e lideres devem ser gays.

Deixe um comentário abaixo:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s