Estudar aos Domingos?

Membros d’A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias são convocados a “guardar o Sábado” como ordenados pelos “dez mandamentos“.

Joseph Smith lendo Fawn Brodie?

Joseph Smith estudava aos domingos?

Assim como a maioria dos Cristãos, e diferentemente da maioria dos Judeus, Mórmons “guardam o Sábado” aos Domingos, ao invés do Sábado propriamente dito. Contudo, em semelhança aos Judeus, as definições sobre como se deve “guardar” o dia religioso, é motivo constante de debate e reflexão.

Recebemos recentemente uma carta de uma leitora pedindo ajuda ou orientações e gostaríamos de compartilhar essa história para que mais pessoas pudessem oferecer sugestões.

Sou ex-missionária, servi há alguns anos em Porto Alegre Sul, sou membro desde os dezoito anos. Tenho acompanhado este site há algum tempo e tenho algumas perguntas a fazer, mas hoje, em especial, quero, acho que talvez até desabafar. Bem, eu fiz uma prova de concurso aqui no Estado onde moro, do Tribunal de Justiça, nível médio, mas com ótimo salário. Eu rodei na prova, visto que era muito concorrido e eu nunca na minha vida tinha estudado Direito. A questão é que eu costumava estudar aos domingos também, até que, num domingo, teve uma reunião com a liderança da Soc. Soc. só pra minha ala e eu sou a líder de solidariedade na organização. Aí, depois da reunião, a presidente da Soc. Soc. da Estaca me chamou e perguntou se eu estudava aos domingos, e eu disse que sim. Ela, então, falou pra não fazer isso e tal, e que era errado. Enfim, parei, e confesso que foi um pouco bom pra descansar, porque eu estudava até dez horas por dia durante a semana, mas quando parei, apesar do descanso, eu me sentia com uma pontinha de dúvida. Será que é errado mesmo estudar aos domingos algo que não seja referente ao Evangelho e deixar de fazer as visitas e demais coisas referentes à isso? Gostaria de saber de vocês: O que pensam a respeito de estudar aos domingos? Eu não me lembro de ter ouvido algum líder falar sobre isso, se tiver algum discurso nesse sentido, eu desconheço. Bem irmãos, essa uma das minhas dúvidas, mas tenho muitas outras mas por enquanto vou deixar essa e gostaria sinceramente que vocês me dissessem algo sobre isso. É errado, é pecado estudar aos domingos ou vai da consciência de cada um?

Quais orientações poderíamos passar para essa moça? Quais as práticas pessoais dos Mórmons brasileiros sobre esse assunto?

O Presidente Spencer W. Kimball abordou o assunto assim:

“Espero que os alunos irão utilizar o Sábado para estudar apenas em emergências… Eu acredito que, em geral, com a organização cuidadosa de tempo durante a semana, a maioria dos estudos pode ser feito em dias de semana, deixando o Sábado para o culto… Pode haver momentos em que sente-se forçado a estudar, quando se sente um boi na lama. Eu estou expressando apenas minhas opiniões pessoais sobre este assunto, mas já que estamos falando para os alunos, é a minha esperança de que o seu estudo possa ser feito em sua época apropriada e não como um processo intensivo um pouco antes de ir nas manhãs de segunda-feira.”

O Apóstolo James E. Faust também abordou o tema:

“Ao longo de uma vida de observação, ficou claro para mim que o agricultor que observa o Sábado parece fazer mais em sua fazenda do que ele faria se ele trabalhasse sete dias. O mecânico será capaz de despejar mais e melhores produtos em seis dias do que em sete. O médico, o advogado, o dentista, o cientista vãorealizar mais com a tentativa de descansar no Sábado do que se ele tentasse utilizar todos os dias da semana para o seu trabalho profissional. Gostaria de aconselhar todos os alunos, se eles puderem, para organizar seus horários para que eles não estudem no Sábado. Se os alunos e outros buscadores da verdade fizerem isso, suas mentes serão vivificadas e o Espírito infinito vai levá-los para as verdades que eles desejam aprender. Isto porque Deus santificou o dia e abençoou-o como uma aliança perpétua de fidelidade “.

Não obstante as declarações acima, outras mais comuns e frequentes costumam ser ambíguas sobre o assunto. Por exemplo, a Enciclopédia publicada oficialmente pela Igreja SUD apenas diz:

O Sábado é um dia santo para se fazer as coisas dignas e sagradas. A abstinência do trabalho e recreação é importante, mas insuficiente. O Dia do Senhor exige pensamentos e atos construtivos, e se alguém simplesmente fica à toa sem fazer nada no Sábado, ele está quebrando-o. Para observá-lo, deve-se ficar de joelhos em oração, preparar aulas, estudar o evangelho, meditar, visitar os doentes e aflitos, escrever cartas para os missionários, tirar uma soneca, ler materiais sadios e ir a todas as reuniões desse dia que lhe são designadas….

Recentemente, o Apóstolo Russell M. Nelson ofereceu ainda mais ambiguidade e incentivo a personalização individual de próprias regras de conduta idiosincrática:

Até que ponto santificamos o Dia do Senhor? Quando eu era bem mais jovem, estudei o trabalho de outros que tinham compilado listas de coisas para fazer e coisas para não fazer no Dia do Senhor. Foi só mais tarde que aprendi nas escrituras que minha conduta e minha atitude no Dia do Senhor constituíam um sinal entre mim e meu Pai Celestial. Com esse entendimento, não precisei mais de listas do que fazer ou evitar. Quando tinha que tomar a decisão sobre uma atividade ser ou não adequada para o Dia do Senhor, simplesmente me perguntava: “Que sinal quero dar a Deus?” Essa pergunta fez com que minhas escolhas para o Dia do Senhor ficassem bem claras… É preciso autodisciplina para não fazer a nossa “própria vontade” no Dia do Senhor. Pode ser que tenhamos de nos privar de algo que gostamos. Se decidirmos deleitar-nos no Senhor, não permitiremos tratar esse dia como outro qualquer. As atividades rotineiras e recreativas podem ser realizadas em outra ocasião.

Apesar de passar a maior parte desse discurso, ironicamente, elaborando uma “lista do que fazer ou evitar”, Nelson sugere que a questão é invididual e pessoal.

Sendo assim, pode alguém determinar para outra pessoa como esta outra pessoa deve ou não deve “guardar o Sábado”? Não seria o dever, e o privilégio, de cada indivíduo determinar para si mesma como fazê-lo? Não seriam estudos e investimentos intelectuais como uma empreitada religiosa, honrando os dons e talentos com os quais fomos desmerecidamente abençoados? Não são os estudos seculares “materiais sadios”? “A glória de Deus é inteligência”, não é o que dizem as escrituras? E elas não nos ensinam que devemos “busca[r] diligentemente e ensina[r-n]os uns aos outros… nos melhores livros busca[r]… conhecimento… pelo estudo…”?

O que você acham? Estudar aos Domingos honra o mandamento para “guardar o Sábado”?

29 comentários sobre “Estudar aos Domingos?

  1. Faça o que vc achar melhor, outras das muitas questões que são pessoais mas, a igreja como sempre quer se meter, invista em seu futuro e continue estudando afinal vc não está fazendo nada de errado!

  2. O fundamentalismo mórmon tem uma resposta adequada para a questão. Basta consultar o Novo Testamento e verificar que Jesus Cristo, ao ser indagado sobre se seria legítimo trabalhar aos domingos, recorreu à metáfora da “vaca atolada”. Quis com isso dizer, na minha opinião, que se há algo urgente ou necessário para se realizar e se o domingo é o único dia disponível, o trabalho deve ser feito. Sem culpas nem peso na consciência. E, de preferência, sem palpites da liderança da Igreja, que certamente tem questões mais importantes que essa com que se preocupar.

  3. Penso que é uma escolha pessoal , uma vez Elder Berdnar veio na minha estaca e disse que um jovem se vestia com camisa branca o domingo todo , porque ele achava que sua atitude era de adoração ao Senhor , depois Elder Bednar leu um versículo em Doutrina e Convênios que quando o Senhor dá um mandamento e nós cumprimos, ele dá mais mandamentos! O proceder no domingo depende da conversão e relacionamento individual de Deus com cada pessoa.Cada membro tem seu nível de santificação pessoal.Eu nunca estudei nos domingos e me senti muito abençoado e próximo ao Senhor por isso, passei em quase tudo que prestei na vida (concursos,vestibulares) sem estudar no Domingo, mas cada um tem seu arbítrio, suas revelações e sentimentos.

    • Irmão, acho que o tema não se resume apenas em estudar aos domingos. Existem muitas outras coisas saudáveis que podemos fazer no domingo e não se encontra como restrição nos manuais da igreja. Quando há algo que eu considere importante para fazer apenas no domingo, não penso duas vezes, vou e faço. Devo satisfação apenas ao Pai Celestial.

    • Entao vc esta dizendo que o Elder Bednar viajou horas de aviao para avisar os jovens na America do sul que cor de camisa eles devem usar? Como Apostolo apoiado e sendo vidente e revelador ele bem que poderia ter usado o tempo para avisar os membros no Brasil sobre a seca severa que vem afligindo o pais; a crise economica que pegou o Brasil; as epidemias de Dengue entre outras coisas que afetam a vida de milhares dos filhos de Deus na terra. Os membros “inteligentes” da igreja deveriam estar lendo as profecias e fazendo perguntas sobre o que os Profetas, Apostolos, videntes e reveladores deveriam estar fazendo para guiar o povo da igreja e deixar as dicas de moda para os estilistas e modelos.

      • Nossa, Fábio, me recuso a acreditar que vc falou isso sério? Não consegue ver que existem coisas que não são ditas por trás de uma mensagem tão simples? Quem tem ouvidos para ouvir, que ouça. Não seja tão beligerante.

      • Eu estava na conferência e me impressionei com o relato uma pessoa ficar o domingo todo com roupa da igreja A primeira coisa que eu faço é tirar a roupa pra almoçar no domingo.No Livro “Invocando os Poderes do Céu” relata de um irmão “poderoso” que veste roupa da igreja para ler o Livro de Mórmon todos os dias porque ele considera um momento super sagrado.Mas vc deveria estar habituado com estes relatos na igreja,os líderes e a Liahona adoram usar histórias de irmãos que andaram a pé 3 dias para ir ao templo” “Irmãos que doaram tudo para a igreja”.O cristianismo em geral, não somente nossa igreja ,usa estes tipos de relatos para motivar um “upgrade” de obediência aos discípulos.Sinto que Elder Bednar quis mostrar o quão especial pode ser o Dia do Senhor para uma pessoa , volto a repetir o que disse no comentário anterior;Cada um tem seu nível e sua esfera de relacionamento com Deus, os líderes tentam motivar para uma compreensão mais “elevada” da importância do mandamento.Para mim a experiência foi válida e creio que animou muita gente a ser mais obediente.Claro que eu não vou fazer igual ao rapaz porque tenho minha personalidade,minha individualidade,minhas capacidades e etc…tenho meus relatos de fé pessoais e não me sinto pior q outros membros por isso.As vestimentas são coisas que externam muito de nossos desejos,afinidades e interesses , mostra nossa simpatia com grupos, ideologias e organizações.As roupas podem ser usadas como símbolos de comunicação ao mundo exterior e as outras pessoas.Na Conferência ele abordou outros assuntos variados.

      • os profetas do Senhor vivem repetindo todas as vezes sobre as calamidades que sempre foram previstas.
        leia a Bíblia e o livro de Mórmon. Nada disso está em oculto.

  4. Sede sábios, que mais poderei dizer-te?
    Foi algo similar aconselhado por um profeta do LdM e acho que assim deve ser.
    Me lembro quando tive uma dúvida similar e meu líder na época me falou: “Se o espírito não o constrange, então não há nada de errado”

  5. Vou compartilhar aqui minha experiência pessoal quanto a estudar para concursos. Há alguns atrás, depois que concluí minha segunda graduação comecei a me preparar para concurso, estudando em casa, sem frequentar cursinhos preparatórios. No meu plano de estudos eu retirei os sábados e os domingos e vou explicar porquê. Naquela época eu trabalhava de segunda a sexta (40 h), e como toda mulher, trabalha-se 60 h, pois sempre há o que fazer em casa, mesmo que outros membros tenham suas designações. Pois bem, eu precisava estudar sem interferências, então, meu horário de estudo começava às 4 h da manhã. Levantava às 3h30m para distribuir o tempo com higiene, oração, preparar meu chimarrão. Tinha a companhia das minhas cadelas e gatas,( ahah). Estudava das 4 h até às 7 h e me preparava para ir para o trabalho. Não estudava aos sábados pois eu dormia até mais tarde e dedicava-me para faxinar minha casa, cuidar das roupas, etc, atividades que eu adoro! Não estudava aos domingos por desejar guardá-lo da maneira que havia aprendido, indo às reuniões, dando atenção para minha família e porque ele revigora-nos mental, física e espiritualmente. É tão bom relaxar e sentir-se revigorada fazendo outras coisas , diferentes do que fazemos em dias uteis, por exemplo. Entretanto, minha intenção aqui, não é dar respostas, apontar o que está certo ou está errado, estas atitudes, deixemos para aqueles membros paladinos da perfeição. Busque estudar e refletir o que Jesus Cristo ensinou sobre este dia, é certo que você encontrará o seu caminho. Desejo-lhe sucesso!

  6. Eu penso que buscar mais conhecimento através de estudos é uma coisa boa. Além disso, nada nos impede de no domingo, entre um estudo e outro fazermos nossas orações. Também é possível passear, relaxar e se divertir com pensamentos espirituais. Por outro lado, não acho que tenhamos que ser mais SUD no domingo. A consciência do domingo deveria ser mantida nos outros dias, da mesma forma. Sendo algo exporádico, como um convite especial de uma pessoa querida, uma comemoração importante, não é preciso declinar porque é domingo. Nada radical demais é bom, nada que aprisione demais, caso contrário torna-se enfermidade. Obviamente, cada um faça da melhor forma para sí, esse é o meu ponto de vista. Não vejo problemas em estudar no domingo.

  7. O que o Salvador quis dizer quando declarou que “o sábado foi feito por causa do homem, e não o homem por causa do sábado”? Creio que Ele queria que entendêssemos que o Dia do Senhor era Sua dádiva para nós, oferecendo-nos verdadeiro alívio dos rigores da vida cotidiana e uma oportunidade para renovação espiritual e física. Deus nos deu esse dia especial, não para divertimento ou trabalho cotidiano, mas para descanso dos deveres, com alívio físico e espiritual.
    O Salvador identificou-Se como o Senhor do Seu dia. Esse é o dia Dele! Por diversas vezes, Ele pediu-nos que guardássemos o Dia do Senhor ou que o santificássemos. Estamos sob o convênio de fazer isso.

  8. Como podemos assegurar que nossa conduta no Dia do Senhor nos leve a ter alegria e regozijo? Além de ir para a Igreja, tomar o sacramento e ser diligente em nosso chamado específico para servir, que outras atividades nos ajudariam a tornar o Dia do Senhor deleitoso para nós? Que sinal daremos ao Senhor para mostrar nosso amor por Ele?
    “E para que mais plenamente te conserves limpo das manchas do mundo, irás à casa de oração e oferecerás teus sacramentos no meu dia santificado;

    porque em verdade este é um dia designado para descansares de teus labores e prestares tua devoção ao Altíssimo; (…)

    e nesse dia (…) seja teu alimento preparado com singeleza de coração para que teu jejum seja perfeito, (…) para que tua alegria seja completa. (…)

    E se fizerdes estas coisas com ação de graças, com o coração e o semblante alegres, (…) a plenitude da Terra será vossa”.

  9. Gostaria de pedir uma correção deste texto, sou membro da igreja por 24 anos e nunca guardei o sábado.

    A denominação que quarda o sábado é a Adventista do Sétimo Dia (confundido com a parte do jome “Santos dos Últimos Dias” da minha), nós membros de a Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias guardam os domingos como a maioria sim.

    Agora, acredito que, se este testo for uma tradução de algum artigo em inglês, foi cometido um erro clássico, pois o tradutor deve ter lido em inglês a palavra SABBATH e logo assumiu que era sábado. Sabbath não teria mais o significado sábado, mas sim dia de adoração ao senhor, pois o Judaismo tem o sábado como Sabbath, porém no cristianinmo quarda se o domingo como sendo o Sabbath!

    Obrigado

  10. Acho que cada caso seja diferente.
    Devemos nos lembrar que o Senhor nos deu o mandamento de guardar o seu dia.
    Pelo que entendi, os estudos aos domingos a impedia-a de guardar o domingo, então passou a deixar de se um dia de adoração para se transformar em um dia de estudo. Creio que tudo deva ter um equilíbrio. Se não for uma coisa constante e for feito em momentos de “emergência” não tenha problema, penso como Spencer W. Kimball.
    “Espero que os alunos irão utilizar o Sábado para estudar apenas em emergências… Eu acredito que, em geral, com a organização cuidadosa de tempo durante a semana, a maioria dos estudos pode ser feito em dias de semana, deixando o Sábado para o culto… Pode haver momentos em que sente-se forçado a estudar, quando se sente um boi na lama. Eu estou expressando apenas minhas opiniões pessoais sobre este assunto, mas já que estamos falando para os alunos, é a minha esperança de que o seu estudo possa ser feito em sua época apropriada e não como um processo intensivo um pouco antes de ir nas manhãs de segunda-feira.”

    Mas particularmente não estudo aos domingos, prefiro organizar meu tempo durante a semana para isso.
    Falando agora fora da doutrina SUD. Quando fiz ADS não era membro da igreja, mesmo assim reconhecia que precisava de um dia para descansar e fazer outras atividades; trabalhava durante o dia todo como analista programador, a noite ia pra faculdade. No sábado fazia meus trabalhos de faculdade e estudava as matérias, na tarde fazia trabalho voluntário, no domingo voltava a estudar, porém refleti e precisava de um dia pra mim. Então sábado a noite e domingo era o tempo que guardava para fazer qualquer outra atividade fora da área que eu estava. Foi muito bom pra mim, não ficava tão cansado e comecei a render mais tanto no trabalho como na faculdade.
    Essa foi minha experiência, espero poder ajudar alguém com isso.

    Sou grato pelo mandamento de guardar o dia do Senhor.

    Abraço a todos.

Deixe um comentário abaixo:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s