Presidência da Área Brasil Responde a Eventos de Santa Catarina

A Presidência da Área Brasil da Igreja SUD reagiu aos eventos recentes de Santa Catarina quando um grupo de mórmons participou de uma reunião de testemunhos para testificar de profetas e revelações fora da hierarquia eclesiástica formal.

Foto do Templo SUD de São Paulo (© Vozes Mórmons)

Em nota oficial emitida no dia seguinte em que cobrimos esses eventos aqui, a liderança máxima da Igreja SUD no Brasil estabelece regras claras a líderes locais de como restringir o tempo livre para testemunhos apenas para membros da Igreja, designar voluntários para estarem sempre prontos para filmar ocorrências, e diretrizes de como lidar com tais expressões de fé e crença que sejam heterodoxas.

Leia aqui o memorando interno distribuído para todos os Setentas, Presidentes de estaca, distrito e missão; bispos e presidentes de ramo d’A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias: Continuar lendo

Como o Passado da Igreja Mórmon Molda sua Posição Atual em Imigração

Em 24 de julho de 1847, Brigham Young e outros 146 pioneiros mórmons entraram no Vale do Lago Salgado. Eles haviam deixado os Estados Unidos e se encontravam em território mexicano.

Naquela época, a guerra mexicano-americana estava no seu auge, e dentro de um ano o México cederia o Vale do Lago Salgado aos Estados Unidos. Mas isso não estava nos planos dos mórmons. Eles estavam tentando deixar os Estados Unidos para escapar de violência e perseguição.

Brigham Young e outros homens preparando mulheres para guerra: “Brigham Young organizando suas forças para batalhar as tropas dos Estados Unidos” (Harper’s Weekly, volume v. 1, November 28, 1857, p. 768. Scan from BX8609.A1a#466, L. Tom Perry Special Collections, Harold B. Lee library, Brigham Young University)

Porém, uma vez que eles estavam no novo território, eles se estabeleceram no Vale sem a aprovação do governo mexicano ou dos povos indígenas que já viviam na terra árida perto do Grande Lago Salgado. A história mórmon em Utah os revela tanto como imigrantes perseguidos como colonizadores.

Continuar lendo

Joseph Smith Preconizava Violência?

1º de Janeiro de 1843. O Profeta Joseph Smith jantava com amigos, quando decidiu compartilhar duas histórias pessoais que sugerem que ele acreditava que violência era uma forma justificável para expressar diferenças de opiniões.

Joseph Smith

Os dois relatos foram anotados no diário pessoal de Joseph Smith pelo Apóstolo Willard Richards, o primeiro na terceira pessoa (i.e., Richards recontando a narrativa de Smith), e o segundo na primeira pessoa (i.e., Richards citando diretamente a narração de Smith). Segue abaixo uma tradução para o português desse trecho do diário do Profeta, apenas com correções gramaticais, como pontuações, para facilitar a leitura, e adições nossas em colchetes para contexto. Continuar lendo

Igreja Esconde Discurso de Conferência Geral

Há um mês nós reportamos que a Igreja SUD havia, após 40 anos de circulação, aposenta o famoso e influente panfleto anti-masturbação e anti-gay do Apóstolo Boyd K. Packer “Somente Para os Rapazes“. O panfleto publicava um discurso proferido pelo Apóstolo Packer na Conferência Geral de outubro de 1976, e fora distruído para Bispos e líderes dos jovens SUD mundo afora nessas 4 décadas, servindo-lhes como guia de conduta sexual para jovens rapazes por duas gerações.

Arte da capa do panfleto "Somente para os Rapazes", por Boyd K. Packer

Arte da capa do panfleto “Somente para os Rapazes”, por Boyd K. Packer

Contudo, havíamos escrito que a Igreja continuava a disponibilizar o discurso no seu site oficial em conjunto com os demais discursos daquela conferência:

Apesar do discurso ainda existir disponível online na seção de Conferências Gerais (apenas em inglês), o panfleto foi removido de circulação e não haverá mais cópias distruibuídas ou vendidas online para líderes eclesiásticos.

Desde então, a Igreja parece ter decidido também “aposentar” o discurso: Continuar lendo

Igreja Aposenta Panfleto do Apóstolo Boyd Packer

Após 40 anos de circulação, a Igreja SUD aposenta o famoso e influente panfleto anti-masturbação e anti-gay do Apóstolo Boyd K. Packer “Somente Para os Rapazes“.

Arte da capa do panfleto "Somente para os Rapazes", por Boyd K. Packer

Arte da capa do panfleto “Somente para os Rapazes”, por Boyd K. Packer

O panfleto publicava um discurso proferido pelo Apóstolo Packer na Conferência Geral de outubro de 1976, e fora distruído para Bispos e líderes dos jovens SUD mundo afora nessas 4 décadas, servindo-lhes como guia de conduta sexual para jovens rapazes por duas gerações.

Desde a sua publicação, o discurso (e, subsequentemente, o panfleto) fora severamente criticado por acadêmicos e profissionais de saúde, e até por líderes eclesiásticos locais, por sua representação distorcida de fisiologia humana, e por sua homofobia¹, e ainda por sua apologia à violência contra homossexuais². Continuar lendo

Melvin Ballard: Hitler Guiado por Deus

O Apóstolo Melvin J. Ballard explicou que Adolf Hitler serviu como um instrumento divino inspirado por Deus para perseguir os judeus, em discurso na Conferência Geral anual de abril de 1938.

Melvin Joseph Ballard, Apóstolo da Igreja SUD (1919-1939), avô do Apóstolo M. Russell Ballard.

Melvin Joseph Ballard, Apóstolo da Igreja SUD (1919-1939), avô do Apóstolo M. Russell Ballard.

Em um discurso recheado de alusões racistas à supremacia racial branca¹, imperialismo ocidental², e  justificações dos genocídios de ameríndios e judeus, Ballard presta seu testemunho que Deus orquestrou essas condições raciais, estrutras sociais, e até as tragédias em larga escala para fazer cumprir Seus propósitos.

Eis o discurso em sua íntegra (ênfases nossas):

Continuar lendo

Brigham Young: Como Lidar com Apóstatas

O Presidente Brigham Young explicou como membros afastados ou inativos devem ser tratados dentro de comunidades predominantemente mórmons, em discurso no Tabernáculo em 27 de março de 1853.

"Eu posso cagar um profeta melhor e peidar revelações melhores" -- Brigham Young

Dentro do contexto histórico, os mórmons haviam se assentado no deserto da região de Utah havia pouco mais de 5 anos apenas, e Young estava dirigindo sua diatribe a mórmons que acreditavam que Young não deveria ter sido o sucessor profético de Joseph Smith, mas sim um homem chamado Francis Gladden Bishop. Young os chama, sarcasticamente, de “gladdenitas” e ameaça-los do púlpito com violência e turbas mórmons como retaliação por sua “apostasia”, sob aclamação e aplausos dos presentes.

Eis o discurso em sua íntegra (ênfases nossas): Continuar lendo

Brigham Young: Como Lidar com Adultério

O Presidente Brigham Young fez os seguintes comentários sobre como lidar com membros que cometem adultério, no histórico Tabernáculo Mórmon, em março de 1856:

Brigham Young

Discursando sobre a natureza da dualidade entre o corpo e o espírito, e o equilíbrio entre o intelecto e o trabalho manual, Young explicou como devemos lidar com membros que cometem adultério (ênfases nossas):
Continuar lendo

Brigham Young: Assassinar por Caridade

O Presidente Brigham Young fez os seguintes comentários sobre assassinar pecadores para a remissão de seus pecados e como isso deve ser considerado uma forma de eutanásia espiritual, no histórico Tabernáculo Mórmon, em fevereiro de 1857:

Brigham Young

Discursando sobre vida eterna, exaltação, e a importância de “conhecer a Deus” para garantir sua exaltação pessoal, Young explica que a real natureza do amor cristão inclui matar pessoas de modo a lhes ajudar atingir sua salvação (ênfases nossas):
Continuar lendo

Brigham Young: Amor ao Próximo

O Presidente Brigham Young fez os seguintes comentários sobre o verdadeiro amor ao próximo, no histórico Tabernáculo Mórmon, em fevereiro de 1857:

Brigham Young

Discursando sobre vida eterna, exaltação, e a importância de “conhecer a Deus” para garantir sua exaltação pessoal, Young explica a real natureza do amor cristão necessário para tal:
Continuar lendo

Deus Ordenou Terroristas Mórmons

Terroristas Mórmons prestam seus testemunhos de como Deus os ordenou ao conflito armado contra o governo federal dos EUA.

Brand Thornton, que junto com outros milicianos Mórmons, invadiu o Malhuer National Wildlife Refuge no sul de Oregon.

Em singela entrevista, um dos milicianos presta seu testemunho sobre sua fé Mórmon (especificamente SUD) e como eles receberam inspiração e revelação de Deus para ação paramilitar.

Citando Doutrina e Convênios e a prática de “amaldiçoar com o Sacerdócio”, Brand Thornton, da Califórnia, explica como sua fé mórmon o motivou ao terrorismo armado e inssurreição paramilitar.

Ouça a entrevista aqui:

Continuar lendo

11 de Setembro

Fanatismo religioso, a violência brutal de ato terrorista, e a tragédia da morte de inocentes marcam a data do 11 de Setembro profundamente no inconsciente coletivo norte-americano.

Cemitério

Lenta e progressivamente, ao longo dos últimos 10+ anos, a Igreja SUD vem assumindo a sua parte neste triste legado de violência e terror.

O avanço das últimas semanas é mais um pequeno, porém importante, passo neste longo processo de auto-reflexão institucional.

Continuar lendo

Labão e os muitos “Labões”

O obscuro Labão está muito mais presente nas escrituras do que podemos imaginar. Também sua importância no relato nefita pode ser maior do que nos é transmitido pela leitura correlacionada das escrituras. Labão encarna características descritas em maior detalhe por outros profetas do passado, sobre as quais somos alertados. Continuar lendo

Osama, Obama e um monte de perguntas

Segunda-feira de manhã peguei o jornal no balcão da padaria por costume. Queria ver as manchetes enquanto esperava o sanduíche que seria meu café-da-manhã. A manchete sobre a morte de Bin Laden parecia quase ficção. “Sério que isso aconteceu?”, pensei comigo num misto de admiração e perplexidade. Continuar lendo