Apóstolo Russell Ballard Ofende Mulheres

Mulheres SUD solteiras “encalham” apenas porque não sabem se vestir bem e usar maquiagem.

O Apóstolo M. Russell Ballard ofendeu mulheres  em discurso proferido em devocional para jovens em Utah, justamente por demonstrar tamanho desrespeito e empatia pelas mulheres solteiras na Igreja.

BATOM

Os comentários de Ballard foram proferidos na semana passada e geraram críticas, queixas, e vídeos e memes viralizados.

O trecho em questão:

“Eu sei que vocês estão esperando que eu fale sobre casamento, não estão? Eu não gostaria de desapontá-los. Eu simplesmente diria aos irmãos: Acordem!  Abram seus olhos e olhem ao seu redor um pouco. Vocês, moças bonitas, não andem por aí vestidas como homens. Ponham um pouco de batom de vez em quando pra ficarem mais charmosas. É simples assim. Eu não sei por quê tornamos todo esse processo tão difícil.” — M. Russell Ballard

O Apóstolo Ballard ignora estudos que demonstram as muitas dificuldades reais encontradas por jovens Mórmons, especialmente mulheres, com ritos sociais de namoro e casamento e apenas sugere que maquiagem e roupas mais “femininas” resolveriam tudo.

Assista o discurso em sua íntegra aqui.

Recentemente, um vídeo viralizou com outro comentário de Ballard sobre namoro e casamento, que incluía sua injunção para jovens se casarem e terem muitos e muitos filhos imediatamente, mesmo que não tenham como sustentá-los, irresponsavelmente comparando a situação sócio-econômica atual na Argentina com a dele quando se casou durante o maior boom econômico (nos Estados Unidos do pós-guerra) na história da humanidade.

Na era do YouTube e mídias sociais, Russell Ballard está se tornando famoso por clipes com comentários machistas e preconceituosos. No ano passado, seus comentários mandando mulheres ficarem quietas, ou não falar demais, em reuniões da Igreja também ganharam notoriedade.


Alguns outros comentários interessantes nesse discurso de Ballard:

“Não precisamos questionar nada na Igreja. Não saia por essas trilhas. Apenas fique no Livro de Mórmon. Apenas fique na Doutrina e Convênios. Apenas ouça os Profetas. Apenas ouça os Apóstolos. Nós não os desencaminharemos. Nós não podemos desencaminhá-los. Por isso há 15 de nós. Nós somos duros uns com os outros, com certeza.” — M. Russell Ballard

23 comentários sobre “Apóstolo Russell Ballard Ofende Mulheres

  1. É lamentável ver que este pensamento não é de exclusividade do apóstolo Russel Ballard. Apesar dos Estados Unidos não ser um país tão machista como o Brasil, muitas vezes já presenciei comentários preconceituosos e infelizes em relação as mulheres provenientes até mesmo das mulheres e pasmem, até do Bispo ou de seus conselheiros na ala para jovens adultos solteiros que frequento em Utah.

    Infelizmente, essa mentalidade é bem enraizada por aqui. Vejo que o sonho da maior parte de amigas que nasceram em Utah se resume a ser mãe e dona de casa, aquelas que aspiram em seguir uma carreira ou algo não tão comum sofrem bastante preconceito por parte de outros membros “tradicionais”.

    Em outros estados liberais como Washington, Oregon, New York; os membros não são tão extremistas nem tão preconceituosos, o problema é que BYU e LDSBC só tem aqui (se tivesse em outro estado, eu já estaria longe daqui, rs)

    • Opa, me equivoquei, tem BYU em Idaho e no Hawaii também.
      Porém no primeiro caso a mentalidade do pessoal de Idaho é bem similar ao do pessoal de Utah (em relação ao conservadorismo) e no segundo tem o porém do elevado custo de vida para morar lá (com essa alta do dólar então, quase impossível)…

  2. Eu não tinha assistido o vídeo antes de responder. Acho que ele realmente quis ser engraçadinho, 🙂 mas uma questão tão séria para fazer piada. Bem, eu retiraria o meu comentário anterior, porque não achei que ele tenha sido grosseiro ou ofensivo. Não me pareceu, foi uma piadinha mesmo sem maldade, mas já diz o ditado que toda brincadeira tem um pouco de verdade…Vai saber, mas ele não foi ofensivo, não teve a intenção.

    • Certamente, Ballard não teve a intenção de ofender ninguém. Ele é, afinal, uma pessoa de bom coração e boas intenções.

      Contudo, o contexto desse comentário é o machismo crônico e velado que permite a homens determinar como mulheres devem aparentar, vestir-se, portar-se, e em geral servir papel subserviente.

      O presumido, de que seja “engraçadinho” para um homem sugerir que mulheres se vistam melhor para resolver suas vidas, por trás de seu comentário é o que é realmente ofensivo.

      • Entendi. Eu usei “engraçadinho” de forma pejorativa mesmo. Acho que fui clara quando tentei reparar o meu primeiro comentário. Até porque eu não deveria sair comentando sem assistir o vídeo antes e acusá-lo de misôginia. Obrigada pelos esclarecimentos.

Deixe um comentário abaixo:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.