Mórmon Autuada Por Uso Medicinal da Maconha

Enedina Stanger, 27 anos, apresentou-se à polícia no condado de Weber, estado de Utah, na última segunda-feira. Em sua cadeira de rodas, ela estava acompanhada do marido e de suas duas filhas, de três e quatro anos. Enedina foi acusada do crime de expôr uma das crianças à situação de risco ao fumar um cigarro de maconha perto dela.

Maconha. Utah. Mórmons. Prisão.

Enedina Stanger com o marido, aguardando para ser fichada. (Imagem: Benjamin Zack/Standard-Examiner)

Sem antecedentes criminais, Enedina tem usado maconha há cerca de um ano e meio  para aliviar os sintomas da síndrome de Ehlers-Danlos, uma rara condição genética causada por defeitos no colágeno, que afeta articulações, pele e vasos sanguíneos. Não há cura para a síndrome. No caso de Enedina, movimentos simples do dia-a-dia costumam deslocar seus ossos, causando dores excruciantes. Foi isso que ela afirma ter acontecido no dia em que foi abordada pela polícia.

Em outubro passado, no estacionamento de um supermercado, Enedina teve uma emergência, segundo contou em entrevista: “minha clavícula começou a se mover e eu tive espasmos musculares”.  Com uma das filhas no carro, Enedina fumou um cigarro de maconha com as janelas do carro abertas, enquanto o marido foi à loja com a outra filha. A polícia foi chamada ao local e apreendeu a droga.

Três dias depois do incidente, os Stangers foram para o Colorado, onde pretendem viver, assim que Enedina estiver livre das medidas punitivas em Utah. O Colorado foi o primeiro estado norte-americano a legalizar o uso recreativo da maconha. Para pagar as dívidas médicas e relocar no novo estado, a família colocou à venda sua casa na cidade de South Weber, no estado mórmon.

A acusação de crime foi retirada posteriormente pela polícia e substituída por contravenção. Enedina ficará em liberdade vigiada em Utah durante seis meses e terá que frequentar aulas sobre responsabilidade parental.

Maconha e Palavra de Sabedoria

Enedina e o marido Michael Stanger são membros ativos d’A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. Mórmon devota, ela afirma em seu blog não ver pecado no uso medicinal da Cannabis sativa:

Não acredito que eu vá contra qualquer princípio moral pelo qual me posiciono. Não acredito que seja um pecado que estou tentando racionalizar, [pois] esta é uma planta medicinal que Deus nos deu, que fui abençoada em descobrir e, por causa disso, sei que ela tem o seu propósito na Terra.

O “propósito” da maconha, mencionado por Enedina, faz referência à revelação recebida por Joseph Smith em 1833, conhecida como Palavra de Sabedoria, a qual afirma que “todas as ervas salutares indicou Deus para a constituição, natureza e uso do homem”.

A jovem mãe afirma que o canabidiol não lhe traz benefício algum, preferindo por isso consumir a planta in natura. Antes de utilizar a maconha, Enedina fazia uso de medicamentos opioides que, segundo declarou à KUTV, causavam efeitos colaterais tamanhos que a faziam não reconhecer as filhas.

Neto de Profeta Defende Legalização

Em Utah, o senador estadual Mark Benson Madsen trabalha para legalizar a prescrição do uso medicinal de maconha para pacientes com dores crônicas e determinadas doenças. O projeto de lei do republicano sofreu derrota por apenas um voto em março passado. Mas seu projeto irá novamente a plenário no início de 2016, quando concorrerá com outro, de autoria do também republicano Brad Daw, que limita-se à legalização do canabidiol no estado.

Madsen é neto de Ezra Taft Benson, presidente da Igreja SUD entre 1985 e 1994. Em um vídeo para o site Illegally Healed (Curado Ilegalmente, em tradução livre), Madsen afirma que seu avô foi um grande mentor na compreensão das liberdades individuais e do papel correto do governo. Ele também narra o insucesso que teve com o tratamento de lesões nas costas, incluindo cirurgias e opioides, até lhe ser sugerido por um médico o uso de cannabis. As leis que proibem o uso medicinal da maconha “são inconsistentes com os princípios de liberdade nos quais acredito”, afirma o senador estadual.


 

Leia também

Mórmons Contra a Ciência em Utah?

Palavra de Sabedoria e a Ciência

Brigham Young: Crença na Ciência

Ezra Taft Benson: Obediência Cega

Um comentário sobre “Mórmon Autuada Por Uso Medicinal da Maconha

  1. Acredito que seja um bom momento para discutir o uso da cannabis pois se foi criação de Deus como se lê no livro de Gênesis:1:12,A terra produziu plantas, ervas que contêm semente segundo a sua espécie, e árvores que produzem fruto segundo a sua espécie, contendo o fruto a sua semente. E Deus viu que isso era bom
    .Não passa pela minha cabeça.que Deus criaria algo que possa ser considerado tão nocivo.Já tentei levantar essa discussão aqui enviando uma sugestão,mais não deram a minima.A cannabis não precisa ser fumada pode ser comida,usada como óleo em pó e etc.Se no caso levantarem que fumar quebra a palavra de sabedoria.Uma planta que pode se fazer milhões de coisas como tecidos,cordas,cosméticos,remédios,óleos essenciais,papel e etc.Como pode ser chamada erva do diabo se foi criada por Deus .Acredita ser uma blasfêmia!
    Alguns poderão comparar ao tabaco e que o uso dele e contra a Palavra de Sabedoria sim o tabaco usado como fumo e mais o tabaco tem outras utilidades que não são proibidas como se lê em D&C 89:8
    E também tabaco não é para o corpo nem para o ventre e não é bom para o homem, mas é uma erva para machucaduras e todo gado doente, a qual se deve usar com discernimento e habilidade.
    Sim, também a carne de animais e a das aves do ar, eu, o Senhor, indiquei para uso do homem, com gratidão; contudo, devem ser usadas moderadamente;
    Agrada-me que não sejam usadas a não ser no inverno ou em tempos de frio ou de fome.D&C 89:12,13 Vamos usar a carne só no inverno?Ou usaremos a sabedoria?

Deixe um comentário abaixo:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s