Brigham Young: Leis de Deus São Imutáveis

O Presidente Brigham Young fez os seguintes comentários sobre a imutabilidade das leis e dos decretos de Deus durante a Conferência Geral de outubro de 1863:

Brigham Young

Qual é a causa de todo esse desperdício de vida e tesouro? Para dizê-lo de uma forma simples, verdadeira, uma parte do país deseja aumentar seus negros ou escravos pretos e a outra parte deseja libertá-los, e, aparentemente, quase adorá-los. Bem, ajude-os e adorem-os, quem se importa? Eu nunca lutaria um instante por isso, pois a causa da melhoria humana não é avançada em nada pela terrível guerra que agora convulsiona o nosso infeliz país.

Cã continuará a ser o escravo dos escravos, como o Senhor decretou, até que a maldição seja removida. Será que a atual luta libertará o escravo? Não; mas eles já estão definhando a raça negra aos milhares. Muitos dos negros são tratados pior do que nós tratamos os nossos animais mudos; e os homens serão chamados para o julgamento pela forma como têm tratado o negro, e eles receberão a condenação de uma consciência culpada, pelo justo Juiz cujos atributos são a justiça e a verdade.

Tratem os escravos gentilmente e deixem-os viver, pois Cã deve ser o escravo dos escravos até que a maldição seja removida. Você pode destruir os decretos do Todo-Poderoso? Tu não podes. No entanto, os nossos irmãos cristãos pensam que eles estão indo para derrubar a sentença do Todo-Poderoso sobre a semente de Cã. Eles não podem fazer isso, embora eles possam matá-los aos milhares e dezenas de milhares. — Brigham Young (Journal of Discourses 10:250)

Quatro observações históricas contextuais:

  1. Brigham Young autorizou a legalização de escravidão negra no Estado de Deseret e, depois, no Território de Utah.
  2. Brigham Young proferiu esse discurso no meio da Guerra Civil Americana (1861-1865), lutada por causa da secessão de Estados sulistas em defesa da manutenção da escravidão negra.
  3. A escravidão negra foi abolida nos EUA em dezembro de 1865.
  4. A “maldição de Cã” foi “removida” em junho de 1978.

Leia mais sobre o que Joseph Smith ensinou sobre negros

Leia mais sobre o que Joseph Fielding Smith ensinou sobre negros

Leia mais sobre a proibição de ordenação de negros ao Sacerdócio

Leia mais sobre o que Joseph Smith ensinou sobre escravidão negra

Leia mais sobre o que Brigham Young ensinou sobre a semente de Cã

Leia mais sobre o que Brigham Young e John Taylor ensinaram sobre negros

7 comentários sobre “Brigham Young: Leis de Deus São Imutáveis

  1. Em qual momento ele autorizou!?

    Como ele disse: “Muitos dos negros são tratados pior do que nós tratamos os nossos animais mudos; e os homens serão chamados para o julgamento pela forma como têm tratado o negro, e eles receberão a condenação de uma consciência ”

    Vocês postam os comentários dos profetas e distorcem com opiniões públicas.
    Há artigos muito bons, mas os comentários e interpretações do autor que posta esta totalmente em desarmonia com o que foi publicado.

    • Por favor, Bruno, não confunda a sua ignorância pessoal de história Mórmon com “distorções” ou “interpretações” nossas.

      Se você não pode se dar o trabalho de checar o link postado no artigo, ao menos procure os discursos de Brigham Young em janeiro e fevereiro de 1852 para o Conselho dos 50 e a Assembléia Legislativa de Utah para ver que Young exigiu a legalização da escravidão negra.

      Aproveite, também, para re-ler a citação acima, onde Young diz claramente que a escravidão negra foi ordenada por Deus e não seria abolida até que Deus decidesse permitir a ordenação de negros ao Sacerdócio (i.e., remover a maldição de Caim).

  2. Nada demais nesses artigos, nada que desabone o Presidente Young. Imagino Pedro, Tiago, João, Moisés, Abraão fazendo exatamente as mesmas coisas.

Deixe um comentário abaixo:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s