Mórmons Leem As Escrituras?

Reagindo às notícias do vazamento, da reação oficial da Igreja SUD, e das reações de outros Mórmons, sobre a nova política da Igreja discriminar contra crianças em famílias LGBT, muitos membros da Igreja abriram as escrituras para defender a posição oficial da Igreja.

Citando passagens de escrituras, esses membros SUD se propõem a demonstrar que a discriminação institucionalizada com essa nova medida está em linha com o comportamento esperado de um discípulo de Cristo.

Nem todos os Mórmons creem que Jesus chama para si as criancinhas

Nem todos os Mórmons creem que Jesus chama para Si as criancinhas

O que nos leva a indagar: Será que Mórmons leem as escrituras?

Eis aqui dois exemplos ilustrativos.

O primeiro exemplo é um clássico Cristão, sendo utilizado e repetido centenas de vezes todos os dias por apologistas de discriminação contra LGBT, e não original a Mórmons.

“Mas nenhuma igreja deve aceitar o que está escrito na Bíblia que é abominação: Com homem não te deitarás, como se fosse mulher; abominação é; Levítico 18:22 (obviamente o contrário).”

A passagem em questão diz:

“Nenhum homem deverá ter relações com outro homem; Deus detesta isso.”

Contudo, o que esses Mórmons ignoram, quando citam essa passagem de escrituras, são as outras passagens imediatamente próximas à ela, que perfeitamente contextualizam-na.

No mesmo capítulo:

Levítico 18:19

“Não tenha relações com uma mulher durante a menstruação.”

(Afinal, mulheres mestruando são espiritualmente impuras!)

Levítico 18.8

“Não tenha relações com qualquer outra mulher que pertença ao seu pai. “

(Afinal, poligamia! E mulheres são objetos de posse!)

No capítulo seguinte:

Levítico 19.20

“Se um homem tiver relações com uma escrava que já foi prometida para ser a concubina de outro homem, mas que ainda não foi comprada, nem posta em liberdade, o homem e a escrava serão castigados, mas não serão mortos, pois ela ainda não estava em liberdade.”

(Afinal, escravidão humana e estupro de escravas é aceitável!)

Levítico 19:27

“Não cortem o cabelo dos lados da cabeça, nem aparem a barba.”

(Afinal, homens sem barba, ou com barbas aparadas, desagradam a Deus!)

Levítico 19:19

“Não vistam roupas feitas de tipos diferentes de tecidos.”

(Afinal, Deus abomina as modas modernas de tecidos mistos! O que diria Ele dos Garments de tecidos mistos?)

O contexto para a passagem que indica que Deus deseja que nós discriminemos contra homossexuais é óbvio para qualquer leitor atento.

Mas Mórmons leem as escrituras?

O segundo exemplo é ainda mais icônico para Mórmons, pois não apenas cita uma escritura exclusivamente nossa, não compartilhada pelo resto do Cristianismo, mas porque ignora uma das maiores contribuições Mórmons para o cânone religioso.

2 Néfi 9:28

Oh! Quão astuto é o plano do maligno! Oh! A vaidade e a fraqueza e a insensatez dos homens! Quando são instruídos pensam que são sábios e não dão ouvidos aos conselhos de Deus, pondo-os de lado, supondo que sabem por si mesmos; portanto, a sua sabedoria é insensatez e não lhes traz proveito. E eles perecerão.

Tenho pena de vocês que são contra as novas diretrizes!

O mesmo Livro de Mórmon, de onde membros da Igreja citam essa passagem para se vangloriarem que eles, e apenas eles, são o povo escolhido de Deus porque obedecem sem questionar o que a liderança da Igreja lhes determina, diz, em umas das passagens mais icônicas na literatura Mórmon, isso:

Alma 31:8-25

“Ora, os zoramitas… pervertiam os caminhos do Senhor de muitos modos… Pois haviam construído no centro de sua sinagoga um local para ficarem de pé, que ficava mais alto que a cabeça, em cuja parte superior só cabia uma pessoa. Portanto, quem desejasse adorar devia subir nessa plataforma e estender as mãos para o céu e clamar em alta voz, dizendo: ‘Santo, Santo Deus; cremos que és Deus e cremos que és santo…tu és o mesmo ontem, hoje e para sempre; e elegeste-nos para sermos salvos, enquanto que todos ao nosso redor foram escolhidos para serem, pela tua ira, lançados no inferno; por essa santidade, ó Deus, agradecemos-te; e também te rendemos graças por nos haveres elegido… E novamente te rendemos graças, ó Deus, por sermos um povo eleito e santo.’ Ora, esse lugar era por eles chamado Rameumptom, que quer dizer púlpito sagrado. Ora, quando viu tudo isso Alma ficou triste, porque percebeu que eram um povo iníquo e perverso… viu também que, por causa de seu orgulho, seu coração estava ensoberbecido e eles vangloriavam-se.”

Além de ignorar os conselhos do Profeta Joseph Smith, que publicamente se opôs ao conceito de obediência cega, Mórmons que se vangloriam que outros Mórmons estão abandonando a fé em protesto contra discriminação de crianças por se sentirem “especiais” ou “escolhidos” ao aceitar, ou ser coniventes, com isso, tampouco se lembram desses ensinamentos atribuídos diretamente a Jesus:

Lucas 15:1-4

“Mas os fariseus e os mestres da lei o criticavam: “Este homem recebe pecadores e come com eles”. Então Jesus lhes contou esta parábola: “Qual de vocês que, possuindo cem ovelhas, e perdendo uma, não deixa as noventa e nove no campo e vai atrás da ovelha perdida, até encontrá-la? … Eu lhes digo que, da mesma forma, haverá mais alegria no céu por um pecador que se arrepende do que por noventa e nove justos que não precisam arrepender-se.”

Mateus 19:13-15

“Depois trouxeram crianças a Jesus, para que lhes impusesse as mãos e orasse por elas. Mas os discípulos os repreendiam. Então disse Jesus: “Deixem vir a mim as crianças e não as impeçam; pois o Reino dos céus pertence aos que são semelhantes a elas”.”

Esses Mórmons ou decidiram ignorar, ou simplesmente não leem, as escrituras.

Mórmons leem e estudam as escrituras? Ou apenas os manuais da Igreja, limitando-se a meros relances em passagens mencionadas?

Quais escrituras você acha que são relevantes nesse debate?


Muitos Mórmons insistem no argumento de que devemos seguir o “modelo bíblico de família”, citando Adão e Eva como a primeira família e citando as passagens bíblicas mencionadas acima.

Qual é o “modelo de família” descrito na Bíblia?

Estes são os ensinamentos das escrituras bíblicas sobre casamento e família. Esse é o “modelo bíblico de famílias”.

E esse o tipo de família que queremos incentivar hoje? Ou é simplesmente um caso de Mórmons que não leem a Bíblia? Que não sabem ou entendem o que lá está escrito? Que não sabem por quem foi escrito ou por quê foi escrito?

21 comentários sobre “Mórmons Leem As Escrituras?

  1. As razões pelas quais as uniões homossexuais não são aceitas não se restringem aos preceitos bíblicos. Há toda uma visão sociológica, teológica e antropológica que sustenta sua negativa.

  2. Como em toda religião, temos os “bons” e os “maus” fiéis, respectivamente, aqueles que buscam entender o quê conseguem a fundo e criar uma ideia baseada no bom senso e aqueles que por preguiça mental só fazem questão de aprender o quê lhes é ensinado, esquecendo o bom senso para discernir se o quê aprenderam está certo ou não. O segundo tipo por causa desse comportamento adora criticar aos demais, se posicionando sempre como exemplo perfeito a todos.

    Engraçado que antes de sair do Brasil, admito que por um preconceito besta meu, pensava que não veria tanto o segundo tipo em Utah MAS para a minha surpresa, é um dos tipos que mais vejo por aqui.. E pior aqui eles são muito mais radicais, no sentido de julgarem mais aos demais irmãos e se posicionarem como certos 😦

Deixe um comentário abaixo:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.