Comunistas pensam como Cristãos?

O Papa Francisco afirmou que “os comunistas [são] os que pensam como os cristãos”, em entrevista ao jornal italiano La Repubblica publicada anteontem.

O jornalista Eugenio Scalfari colocou essa pergunta direta ao Papa católico:

“Então você anseia por uma sociedade onde a igualdade domina. Isso, como você sabe, é a ideologia do socialismo marxista e também do comunismo. Você está, então, pensando em um tipo de sociedade marxista?”

Ao que respondeu o pontífice argentino Jorge Bergoglio:

“Já foi dito muitas vezes, e eu sempre respondi que, considerando tudo, são os comunistas os que pensam como os cristãos. Cristo falou de uma sociedade onde os pobres, os frágeis e os excluídos tenham o direito para decidir. Não os demagogos, não Barrabás, mas o povo, os pobres,tenham eles fé em um Deus trascendental ou não. São eles quem devem ajudar a obter a igualdade e a liberdade.”

Com seu vasto império voltado para fins lucrativos e empresas multibilionárias, é difícil imaginar, hoje em dia, um Profeta da Igreja SUD fazendo uma afirmação pública semelhante. Não obstante, as raízes históricas do mormonismo incluíram conceitos ideológicos facilmente comparáveis ao comunismo. Por exemplo, a Ordem Unida estabelecida por Joseph Smith, e tentativamente re-implementada por Brigham Young, foi vista como uma forma de comunismo por, além de historiadores e economistas, vários líderes da própria Igreja.

O Presidente Brigham Young, jr., filho do Presidente Brigham Young, e então Presidente do Quórum dos Doze Apóstolos, fez os seguintes comentários sobre a comparação entre a Ordem Unida e o comunismo, além do estado do corporativismo na Igreja Mórmon (ênfases nossas):

Brigham Young Jr.

Brigham Young Jr. Apóstolo (1864-1903), membro do Quórum dos Doze (1868-1873, 1877-1903), Conselheiro na Primeira Presidência (1873-1877), Presidente do Quórum dos Doze (1901-1903)

Continuar lendo

Thomas Monson de Papelão em Conferência Geral?

Anteontem, durante a terceira sessão da 186a Conferência Geral Semi-Anual d’A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos, membros da Igreja assistiram o Presidente Thomas S. Monson, encerrar as sessões de sábado com uma breve mensagem.

http://www.sltrib.com/home/4420515-155/frail-mormon-leader-monson-buoys-up

Thomas Monson, discursando na Sessão do Sacerdócio da 186a Conferência Geral Semi-anual, ajudado por um senhor escondido (Fonte: Trent Nelson, Salt Lake Tribune)

Contudo, havia algo escondido da vista dos membros em geral, visível apenas ao mais astuto observador, junto com o Profeta durante seu discurso.

Algo não, alguém.

Continuar lendo

Alguém se Opõe aos Profetas? Cale-se, Então!

Ontem, durante a segunda sessão da 186a Conferência Geral Semi-Anual d’A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos, membros da Igreja gritaram votos em oposição ao Presidente Thomas S. Monson, à Primeira Presidência e aos Doze Apóstolos pela terceira vez em dois anos.

Pelo menos 7 membros ativos da Igreja levantaram-se para votar contra Thomas Monson como Presidente da Igreja

Pelo menos 7 membros ativos da Igreja levantaram-se para votar contra Thomas Monson como Presidente da Igreja, em abril de 2015.

Henry Eyring ignorou, como Dieter Uchtdorf havia feito na última conferência há seis meses, os votos dos membros da Igreja em dissensão aos chamados dos Profetas e Apóstolos. Eyring, visivelmente irritado, encurtava a oportunidade para o(s) membro(s) que estava(m) gritando “oposto” ao alongar demais ou reduzir a pausa para que se manifestassem. Ao final do voto de apoios, simplesmente declarou os votos “anotados” e “convidou”: Continuar lendo

Sacerdócio para Condenar?

Para que serve o Sacerdócio na teologia e na cultura mórmon?

Para servir e abençoar a vida dos outros?

Bênção por imposição de mãos. Mulheres Mórmons. História mórmon.

Mulheres reconstituem bênção por imposição de mãos para a benção e cura dos enfermos, como realizada por pioneiras mórmons (Imagem: ordainwomen.org)

Ou para condená-los e manipulá-los a fazer o que se quer deles?

Vejamos esse exemplo interessante e recente. Continuar lendo

Brigham Young: Reforma Mórmon

O Presidente Brigham Young fez os seguintes comentários sobre  a necessidade de se iniciar uma Reforma no Mormonismo, ensinando a doutrina de expiação de sangue e a insuficiência do Sacrifício Expiatório de Cristo, além da doutrina da segunda morte, em setembro de 1856:

Brigham Young

Continuar lendo

Profetas Mórmons: Warren Jeffs

Profetas vivos são a parte mais idiossincrática da história, da teologia e da tradição mórmons. Tanto que o primeiro hinário mórmon, de 1835, continha uma estrófe celebrando a natureza ímpar desse quesito fundamental:

“Uma igreja sem um Profeta,
Não é a igreja para mim,
Ela não tem um cabeça para liderá-la,
Não pertenceria a uma assim.”

O conceito de profetas vivos permanece firme e forte, com mórmons cantando hoje “Graças damos, ó Deus, por um profeta; Que nos guia no tempo atual”. A celebração, e reverência, de profetas passados é quase tão forte quanto o culto aos profetas vivos atuais, inspirando publicações de biografias autorizadas e livros didáticos para mantê-los vivos na memória coletiva.

Antonio_Balestra_-_Prophet_Isaiah

Profeta Isaías, de Antonio Balestro

Não obstante, seja por divergência de tradições, seja por falta de interesse ideológico ou eclesiástico, ou por apatia literária ou historiográfica, muitos profetas da história e tradição mórmons são ignorados ou esquecidos. Esta série de artigos servirá para explorar as biografias e os legados desses líderes mórmons com sucintas introduções a seus chamados proféticos.

O artigo de hoje discutirá Warren Jeffs.

Continuar lendo

Seminário Ensinará Origem Divina do Banimento de Negros

A mais recente publicação oficial para o ensino de adolescentes mórmons classifica a exclusão de negros do sacerdócio e das ordenanças do templo como uma lei temporária inspirada divinamente.

negros mórmons racismo seminário

Amanda e Samuel Chambers, conversos mórmons ainda no Mississippi pré-guerra, chegaram a Salt Lake City em 1870.

O novo manual para professores do Seminário sugere que os alunos situem o banimento racial mórmon (1852-1978) na mesma categoria de outras práticas e eventos, como a redução da idade para jovens saírem em missão, anunciada em 2012, e a realização de reuniões de jejum e testemunho às quintas-feiras, antes de 1896.

O novo manual do Seminário,  Continuar lendo

Igreja Explica Discriminação Contra Negros

Do túnel do tempo, um vídeo extraído de um documentário de 1973 sobre A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias explica porque negros eram discriminados pela Igreja.

Wendell Ashton dando discurso na Conferência Geral de abril de 1971

A porção central do clipe mostra o Diretor de Relações Públicas da Igreja SUD, e irmão mais velho do Apóstolo Marvin Ashton, Wendell Jeremy Ashton, oferecendo a explicação oficial em nome da Igreja: Continuar lendo

Alexander Morrison: Igreja Nunca Foi Racista

A Autoridade Geral da Igreja SUD Alexander B. Morrison, membro do Primeiro Quórum de Setenta, celebrou o fato que a Igreja sempre foi contra o racismo em toda sua história!

Em interessante artigo para a revista oficial mensal da Igreja Mórmon sobre tolerância racial e transnacional, Morrison exalta a Igreja pelo excepcional exemplo moral do seu passado histórico de nunca haver caído na tentação humana do preconceito racial: Continuar lendo

Bênção Patriarcal de Joseph Smith

Em 09 de dezembro de 1834, Joseph Smith Jr. recebeu de seu pai uma bênção patriarcal. Semanas antes de completar 29 anos, o jovem profeta ouviu de seu pai sexagenário palavras que não só remetiam aos patriarcas bíblicos como traçavam a eles sua genealogia e promessas.

Joseph_Smith_Jr_portrait_owned_by_Joseph_Smith_III_zpsec9818e5

Joseph Smith Sr. foi ordenado como Patriarca da Igreja de Cristo em 1833, sendo seu ofício o único ofício eclesiástico hereditário estabelecido durante a vida do profeta mórmon. Joseph Smith Sr. concedia aos membros da Igreja bênçãos patriarcais. No mormonismo, a bênção patriarcal é uma profecia individual, proferida durante uma cerimônia com imposição de mãos de um patriarca, cujas palavras e profecias são transcritas para servir ao recepiente como escrituras personalizadas e guia espiritual.

Nessa benção patriarcal, o Patriarca elogia seu filho, o Profeta, por sempre apoiar seu pai a despeito de seu problema com alcoolismo, afirmando-lhe que obteria enormes poderes sobrenaturais para realizar milagres iguais aos realizados por Jesus e até mais, e ainda prometendo-lhe segurança física contra assassinos potenciais que lhe tentariam, em vão, tirar-lhe a vida. Acima de tudo, Smith Sr. profetiza a Smith Jr. em tons milenares, comuns para o mormonismo dessa época, que ele ainda presenciaria a tão esperada Segunda Vinda de Cristo.

Continuar lendo

Wilford Woodruff: Pais e Filhos Multirraciais

O então Apóstolo Wilford Woodruff anotou os seguintes ensinamentos em seu diário pessoal, sobre os pais de filhos miscigenados ou multirraciais, de um discurso de Brigham Young proferido diante da Assembleia Legislativa do Território de Utah:

woodruff

Wilford Woodruff, Profeta e Presidente d’A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias entre 07 Abr 1889 e 02 Set 1898.

Continuar lendo

Wilford Woodruff: Revelação de 1889

Eu [Wilford Woodruff] compareci a uma reunião com os advogados na [Mansão] Gardo esta noite. Eles queriam que fizesse uma concessão à corte concernente poligamia e outras questões, e eu passei várias horas em solidão e perguntei ao Senhor e recebi a seguinte revelação, dada a Wilford Woodruff, Domingo, 24 de novembro de 1889.

woodruff

Wilford Woodruff, Profeta e Presidente d’A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias entre 07 Abr 1889 e 02 Set 1898.

1. Assim diz o Senhor, a meu servo Wilford, Eu o Senhor ouvi  Continuar lendo